quinta-feira, 30 de abril de 2009

MUDANÇA NA CÂMARA DE VEREADORES DE AÇAILÂNDIA

Irmão Carlos perde mais uma no TSE e deverá deixar o cargo.

O vereador reeleito para o quarto mandato eletivo, Irmão Carlos foi presidente da Câmara Municipal de Açailândia em duas legislaturas. Nas eleições proporcionais do ano passado teve grandes dificuldades logo no registro de sua candidatura. O Juiz da 71ª Zona Eleitoral, Dr. Wilson Manoel de Freitas Filho, indeferiu o pedido de registro de candidatura de CARLOS ALBERTO MIRANDA DA COSTA ao cargo de vereador pelo Município de Açailândia, ao fundamento de que teve suas contas de gestão como presidente da Câmara Municipal - relativa aos exercícios de 2003-2004 - reprovadas pelo Tribunal de Contas do Estado. Através de uma decisão da corte eleitoral da capital (TRE-MA), Irmão Carlos concorreu às eleições 2008 de onde saiu vitorioso das urnas, sendo um dos vereadores mais votados dentre os onze eleitos. O ministério Público Eleitoral recorreu da decisão do TRE e processo de cassação do registro de candidatura do vereador subiu para o Tribunal Superior Eleitoral, em 02/10/2008.

No TSE, Irmão Carlos perdeu sua primeira batalha em 12/11/2008: Decisão Monocrática em 12/11/2008 - RESPE Nº 33964 Ministro FERNANDO GONÇALVES. RECURSO ORDINÁRIO. DEFERIMENTO. REGISTRO DE CANDIDATURA. REJEIÇÃO DE CONTAS. CANDIDATO. DEPUTADO ESTADUAL. PROPOSITURA DE AÇÃO NA JUSTIÇA COMUM. AUSÊNCIA DE LIMINAR OU ANTECIPAÇÃO DE TUTELA. PROVIMENTO.

1. O pedido de reconsideração ou revisão das contas, bem como a ação ajuizada na justiça comum, deve estar acompanhado de liminar ou antecipação de tutela, com deferimento anterior à solicitação do registro de candidatura, para que se afaste a inelegibilidade prevista no art. 1º, I, g, da Lei Complementar nº 64/90.
2. Tal exigência não fere a segurança jurídica. Busca-se estabelecer critério objetivo que possibilite à Justiça Eleitoral aferir se o questionamento judicial possui plausibilidade jurídica que conduza à reversão do entendimento da Corte de Contas.
3. O recorrido não pleiteou, na justiça comum, pronunciamento antecipatório ou cautelar.
Dou provimento (RITSE, art. 36, § 7o).

No mesmo TSE, o vereador Irmão Carlos ainda sofreu mais duas derrotas antes de Interpor Recurso Extraordinário em 10/03/2009. O Respe nº. 33964 foi negado seguimento pelo presidente do TSE, Ministro Carlos Ayres Brito, em 23/04/2009. A decisão monocrática foi publicada no Diário da Justiça Eletrônica na manhã de ontem (29). Pelo entendimento deste blogueiro, o próximo passo será do mesmo TSE – o processo deverá retornar para o TRE-MA e consequentemente para o seu local de origem, a 71ª Zona Eleitoral em Açailândia, que dará posse a primeira suplente da coligação, Arlete Cutrim.

BRONCAS DE POLÍCIA

BRONCAS DE POLÍCIA

Polícia Militar intensificará fiscalização no Trasnporte Clandestino de Passageiros
Reuniram-se na manhã do dia 23 de abril do corrente ano, por volta das 10h00, no auditório da 5ª Companhia de Policia Militar Independente do Maranhão, com sede em Açailândia, o MAJ QOPM Edeilson Carvalho, CAP QOA Rodrigues juntamente com representantes de entidades de trânsito, o PRF Ronaldo Azevedo e o Diretor do Departamento Municipal de Trânsito o Sr. João Carlos, e cinqüenta Moto-taxista representando a classe local, para tratarem de assuntos referentes ao alto índice de denuncias feitas pela classe comerciante de que os “motos-taxistas” estariam fazendo assaltos e que vários estariam exercendo a função clandestinamente. O comandante da 5ª CIA informou que haverá varias operações juntamente com as entidades como DMT e PRF, onde a ênfase será a fiscalização de transporte de passageiros, especialmente moto taxistas, para propiciar maior segurança à comunidade e coibir a ação clandestina dos motos-taxistas.
Fiscalização nas rodovias
Através de denúncia anônima, via 190, o Destacamento Policial Militar de Buriticupu, sob responsabilidade da 5ª Companhia Militar Independente de Açailândia durante a realização da OPERAÇÃO BOA VIAGEM foram autuados em flagrante delito por porte ilegal de arma de fogo enquanto trafegavam no ônibus da Empresa Boa Esperança (linha Parnaíba/Tucurui), os senhores Sharliel Almeida Silva e Francisco Erivaldo Laurentins, ambos com 28 anos. Segundo denuncia os mesmos iriam efetuar assalto ao ônibus. Mas foram localizados pela guarnição comandada pelo CB. Ribeiro e SD. R. Carlos e durante a revista pessoal foram encontrados Revolveres cal. 38 e munições respectivas em suas mochilas.
Porte Ilegal de arma
Através de denúncia anônima, via 190 para a Central de Operações, a Policia Militar de Açailândia foi acionada para averiguação de que supostamente um homem, identificado como Sr. Reginaldo da Silva Sousa, 34 anos, estaria portando na Vila Ildemar, um Revolver Marca: Taurus cal. 357 Magnum com 04 munições. O mesmo foi detido durante a realização da Operação Saturação da 5ª CIA quando trafegava no interior do ônibus coletivo nº. 1030, da linha Vila Ildemar.
Informações: 5ª Cia Independente
NA CAPITAL DO ESTADO


Vereador Juscelino Oliveira busca a inclusão de Açailândia no Programa Minha Casa, Minha Vida.




Depois de uma ampla divulgação de que o município de Açailândia estaria fora do programa do governo federal que contemplará a maioria das cidades brasileiras com a construção de um milhão de moradias, o vereador Juscelino Oliveira (PSL) viajou esta semana para a capital do Estado, na busca de recuperar este incalculável prejuízo causado a população que não possui um teto digno para morar.

Juscelino Oliveira teve uma audiência altamente produtiva com o Superintendente da Caixa Econômica Federal no Maranhão, José Carlos Nunes Júnior (foto 2), na manhã de segunda-feira (27). O vereador apresentou ao representante da CEF dados estatísticos do problema habitacional vivido por Açailândia, e passou para o superintendente a informação dada pelo deputado federal Waldir Maranhão (PP), hoje Secretário de Ciência e Tecnologia do Estado, que em uma reunião da bancada maranhense com a Ministra da Casa Civil, Dilma Roussef teria ficado definido que assim que for implantado programa, o Maranhão será um dos Estados do Nordeste mais beneficiados. Mesmo porque no Estado, o déficit habitacional chega a 570 mil unidades – é o maior do país.

Juscelino completou dizendo que, no município de Açailândia não é diferente da realidade do Estado, o déficit habitacional da cidade chega a quase quatro mil moradias, portanto, seria inadmissível o município ficar fora deste programa. Juscelino saiu bastante otimista da audiência e com a absoluta certeza de que Açailândia voltará a constar da lista dos municípios que serão contemplados com o Programa do governo federal, pois a partir de agora serão seguidos todos os trâmites legais exigidos pela Caixa Econômica Federal, ora repassados pelo Superintendente José Carlos Nunes Júnior.

Visita ao TCE-MA
O vereador Juscelino Oliveira juntamente com o amigo e correligionário, deputado Alberto Franco (PSDB), estiveram visitando o gabinete do Corregedor do Tribunal de Contas do Estado (TCE), o Conselheiro Edmar Cutrim, onde dentre vários assuntos, aproveitaram para falar dos novos rumos do Maranhão, agora sob a administração de Roseana Sarney. A visita foi uma mera cortesia, tendo em vista haver já há muito tempo uma ligação de amizade entre ambos.

Pequiá de Baixo
Aproveitando a ligação política com o deputado estadual Alberto Franco, que hoje é presidente da comissão de meio ambiente da Assembléia Legislativa do Estado, Juscelino relatou ao parlamentar a situação caótica em que vivem os moradores do Distrito Industrial de Pequiá, mais especificamente das mais de trezentas famílias moradoras do Pequiá de Baixo. Ficou acertado que uma comissão composta por cinco parlamentares incluindo Alberto Franco, virá a Açailândia para ver de perto o problema de poluição enfrentado há várias décadas por aquela comunidade. Firmou-se ainda a possibilidade da criação de um Fórum de Debates envolvendo todos os moradores do Pequiá, governo municipal, autoridades judiciárias e representantes das empresas instaladas no Distrito Industrial.

Cursos Profissionalizantes
O novo Secretário de Ciência e Tecnologia do Estado, Waldir Maranhão, recebeu o vereador açailandense em sua residência para um café da manhã, na terça-feira (28). O assunto principal foi o que o governo do Estado, através daquela secretaria, tem para a cidade de Açailândia. Waldir Maranhão adiantou que até o final desta semana o segundo escalão da governadora Roseana Sarney e toda a estrutura da sua pasta, já estarão em pleno funcionamento, a partir desse momento vários convênios serão firmados com município de Açailândia, principalmente em se tratando da Secretaria de Ciência e Tecnologia - será dado um choque de gestão na inclusão digital da população mais carente daquela comunidade, além do aperfeiçoamento dos trabalhadores através de cursos profissionalizantes. Waldir Maranhão disse mais, quando na condição de deputado federal, jamais deixei de contemplar o município com as minhas emendas parlamentares, como por exemplo, a obra de pavimentação do Bairro Laranjeiras que já foi iniciada, para logo em seguida acontecer a mesma coisa com a Vila São Francisco – “essa foi uma bela parceria que fizemos, Eu [Waldir Maranhão] e o vereador Juscelino Oliveira, que essa população acreditou e deu uma expressiva votação, disse.

GRIPE SUÍNA

Brasil tem 2 casos suspeitos e monitora 36


SÃO PAULO - O ministro da Saúde, José Gomes Temporão, disse que 36 casos de suspeita de gripe suína são monitorados em 11 Estados no país. O anúncio foi feito durante entrevista coletiva, às 16h desta quarta-feira (29), em Brasília.

Outros dois casos monitorados que demandam mais atenção do ministério foram registrados em São Paulo e Minas Gerais. As duas pessoas investigadas estiveram no México recentemente e apresentaram sintomas da doença, entre eles febre.

Durante a entrevista, o ministro informou que a Organização Mundial da Saúde (OMS) elevou nesta quarta-feira (29) o nível de alerta de pandemia de gripe de 4 para 5 (numa escala até 6), por conta da ameaça da gripe suína iniciada no México e que já matou 8 pessoas e contaminou 114.

Isso acontece quando há contaminação de pessoa para pessoa em pelo menos dois países integrantes da OMS, informou.

Apesar dos casos investigados, Temporão voltou a afirma que o país ainda está livre da doença. “O vírus não chegou ao Brasil neste momento.” Segundo ele, o país dispõe de todas as condições técnicas para detectar eventuais casos de gripe suína.

Os casos que o Ministério da Saúde está monitorando foram registrados no Amazonas, Bahia, Espírito Santo, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Santa Catarina e São Paulo.

Sequenciamento
O ministro afirmou que o sequenciamento genômico do vírus transmissor da doença já está disponível no site do ministério na internet. Com isso, os laboratórios e hospitais que investigam os casos suspeitos têm condições de comparar os micro-organismos encontrados nas pessoas monitoradas com o causador da gripe suína.

Remédios
Temporão afirmou que o ministério encaminhou 200 doses de Tomiflu, medicamento recomendado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) no tratamento da doença, para o Rio de Janeiro e São Paulo.

A partir desta quinta (30), os demais estados devem receber pelo menos 20 doses de medicamentos. Pernambuco pode receber mais doses, por conta do número elevado de voos internacionais.

O ministro disse que os laboratórios públicos têm condições de começar a produzir as doses de Tamiflu a qualquer momento. Ele afirmou, entretanto, que isso ainda não foi feito porque a matéria-prima usada no medicamento perde o prazo de validade muito rápido depois que os tonéis onde estão estocados são abertos _de 2012 para três meses. O governo tem material suficiente para produzir até 9 milhões de cápsulas do medicamento.

Até esta terça-feira (28), o Ministério da Saúde monitorava 20 casos de pessoas com suspeita de contaminação pela gripe suína no Brasil. Os casos tinham sido registrados em oito Estados.

MEGA SENA MILIONÁRIA SAI PARA APOSTA NO RIO DE JANEIRO

MEGA SENA MILIONÁRIA SAI PARA APOSTA NO RIO DE JANEIRO

Uma aposta feita em Nilópolis, no Rio de Janeiro, acertou as seis dezenas sorteadas nesta quarta-feira (29) no concurso 1.069 da Mega-Sena. De acordo com a Caixa Econômica Federal, o dono do bilhete - ou donos, em caso de bolão - vai receber um prêmio de R$ 36.400.425,15.

Confira as dezenas sorteadas: 09 - 17 - 28 - 45 - 49 - 53


De acordo com a Caixa Econômica Federal, 275 bilhetes acertaram cinco números e vão receber, cada um, R$ 11.807,55. Outras 16.287 apostas acertaram quatro números e vão receber R$ 284,80.


A estimativa de prêmio para o próximo sorteio, que ocorre no sábado (2), é de R$ 17 milhões.

GOVERNADADORA ROSEANA SARNEY DECRETA ESTADO DE CALAMIDADE PÚBLICA


GOVERNADORA ROSEANA SARNEY DECRETA ESTADO DE CALAMIDADE PÚBLICA NO MARANHÃO.

SÃO LUÍS – Decretado na manhã de hoje, pela governadora Roseana Sarney, estado de calamidade pública no Maranhão. Há 11 dias chove sem trégua no Maranhão e a situação do interior do estado se complica a cada dia. Cidades alagadas, nível dos rios subindo constantemente, estradas rompidas pela força das águas, mais 11 mil pessoas desabrigadas e mais de 16 mil desalojadas. Esse é o cenário o desolador que o estado vive atualmente, recebendo ajuda, inclusive, de outros estados, como Pernambuco, que está enviando, em 10 viagens, até o próximo sábado, 2 de Maio, o total de 115 toneladas de alimentos para as pessoas atingidas pelas chuvas.

Ciente da gravidade da situação, a governadora Roseana Sarney visitou nesta quarta-feira, 29, os municípios de Bacabal, Alto Alegre do Maranhão e Peritoró. Nesta quinta-feira, 30, ela visitará o município de Barreirinhas, onde a BR-402 se rompeu. Das estradas do Maranhão, estão comprometidas além da BR- 402, a BR-316, a BR-222, a BR-226 e a MA-034. Os rios também continuam subindo. O rio Mearim já está sete metros acima do seu nível normal e o rio Itapecuru, 8 metros.

De acordo com informações do repórter Honório Jacometto, da TV Mirante, que acompanhou a visita da governadora aos municípios de Bacabal, Alto Alegre do Pindaré e Peritoró, a situação é bastante difícil para os moradores. Os problemas começam a atingir também o setor comercial, já que os caminhões com mercadorias destinadas a diversas cidades estão ficando pelo caminho. É o caso de vários caminhões do Supermercado Mateus, por exemplo, que estão atolados em uma estrada vicinal, de terra, entre os municípios de São Luíz Gonzaga e Pedreiras. Nos postos ao longo de várias estradas, caminhões estão parados e os caminhoneiros tendo prejuízos. Edson Silva, responsável por uma entrega de iogurtes, está parado desde o último domingo e calcula o prejuízo em R$ 120 mil.

De acordo com as últimas informações da Defesa Civil do Maranhão, já são 84 mil pessoas atingidas pelas chuvas, em diversos municípios como Pedreiras, Trizidela do Vale, Rosário, Alto Alegre do Pindaré, São Luiz Gonzaga, Marajá do Sena, Cajari, Alto Alegre do Maranhão, Lago da Pedra, Arame, Tufilândia, Presidente Vargas, Nina Rodrigues, Pindaré-Mirim, Pedreiras, Duque Bacelar, Codó, Rosário, Coroatá, Cantanhêde e Bacabal. No município de Monção, também atingindo pelas chuvas, já são mais de 500 desabrigados. Uma ponte que liga a sede do município à zona rural foi destruída pela enxurrada do rio Pindaré e 20 povoados estão praticamente isolados.

As ajudas aos desalojados e desabrigados estão chegando a todo instante. Equipes da Defesa Civil estão nos locais atingidos, assim como homens do Exército e do Corpo de Bombeiros. Alimentos, material de limpeza, colchões, lençóis e roupas podem ser doados por qualquer pessoa que queira e possa ajudar. Basta entrar em contato com a Defesa Cilvil (3212-8473) para saber como fazer as doações.
Imirante

quarta-feira, 29 de abril de 2009

PREFEITURAS PODEM TER FPM BLOQUEADO


Pleno do TCE confirma decisão de conselheiro sobre convênios do governo estadual


Os prefeitos que gastarem o dinheiro depositado nas contas terão que devolver cada centavo, ou terão FPM bloqueado.

O Pleno do Tribunal de Contas do Estado ratificou, em sua última sessão plenária, a medida cautelar assinada pelo conselheiro Yêdo Flamarion Lobão, no início do mês, suspendendo liminarmente os efeitos orçamentários, contábeis e financeiros de 48 decretos assinados pelo então governador do estado, Jackson Lago.

A aprovação em plenário atende à legislação interna do TCE, segundo a qual toda decisão tomada individualmente por um de seus membros deverá ser submetida à apreciação do plenário. Neste caso, a votação ocorreu na primeira sessão plenária após o feriado religioso.

Com a medida, o que era uma decisão monocrática de um conselheiro do TCE, passa a ser uma decisão unânime do órgão, já que todos os membros do Pleno presentes à sessão votaram pela suspensão dos convênios orçamentários entre o governo e prefeituras, além de créditos suplementares para secretarias e órgãos estaduais.

A decisão do Pleno do TCE ocorreu uma semana depois de o Supremo Tribunal Federal (STF) ter derrubado a liminar do Tribunal de Justiça do Estado que anulava a medida cautelar do TCE. A medida atendeu ao pedido de suspensão de segurança ajuizado pelo Tribunal de Contas do Estado contra decisão do desembargador Jaime Ferreira de Araújo, autor da liminar em favor do governo do estado.

Na avaliação do conselheiro do TCE Yêdo Flamarion Lobão, a decisão assinada pelo vice-presidente do STF, ministro César Peluzzo, deve ser entendida como um reconhecimento por parte da principal corte de justiça do país, das prerrogativas constitucionais dos Tribunais de Contas. “A liminar do TJ não atacava o mérito da decisão do TCE, mas a própria competência do órgão para tomar decisões que são de sua própria natureza como órgão fiscalizador”, analisa.

O conselheiro lembra que, apesar de não ser a primeira medida do tipo, a decisão do Supremo reforça o reconhecimento da autonomia dos Tribunais de Contas como órgãos de controle externo. “Temos assistido a um sem número de iniciativas visando coibir e limitar a ação dos Tribunais de Contas, daí a importância da decisão”, observou Lobão.

De acordo com o ministro César Peluzzo, ao cassar “a eficácia da ordem de suspensão dos decretos e dos respectivos convênios, a princípios tidos por danosos ao tesouro estadual”, a liminar do TJ “aniquilou na prática, à primeira vista, a competência fiscalizatória que a Constituição Federal outorgou àquele órgão e que, como é óbvio, só pode ser exercida se lhe sejam assegurados os meios que a garantam e a tornem efetiva”.

GRANDE ROMBO NA CAEMA


DEU NO MARCOS D'EÇA

Saque milionário da Caema: os passos de um escândalo


- Em 2002, a Construtora Morada Nova teve o sistema de esgotamento sanitário de uma obra sua, no bairro São Raimundo, reprovada pela Caema. A empresa entrou na Justiça alegando supostos prejuízos de R$ 2 milhões.

- Já sob o comando do engenheiro Rubem Brito (PDT), a Caema fechou acordo para pagamento de R$ 4 milhões em parcelas mensais de R$ 135 mil. Pagou 19 parcelas, totalizando R$ 2,560 milhões ou mais de 50% do total do acordo - e pouco mais que o total do débito original.


- Uma cláusula do contrato previa multa de R$ 25 milhões em caso de atraso das parcelas. Essa cláusula nunca foi levada em consideração, uma vez que pouquíssimas parcelas foram pagas em dia, sem que a multa fosse cobrada.


- No final do governo Jackson Lago (PDT), um atraso de apenas 10 dias no pagamento de uma das parcelas foi o suficiente para que a Morada Nova acionasse, e a Justiça determinasse, a jato, a cobrança dos R$ 25 milhões.


- Os advogados da Morada Nova sacaram R$ 1 milhão em espécie e transferiram outros R$ 4,9 milhões para várias contas, em operação bancária também considerada suspeita pela atual direção da Caema, devido rapidez com que fora efetivada.


- O procurador-geral do Estado, Marcos Coutinho Lobo, suspeita de má-fé da própria assessoria jurídica da Caema, nas gestões de Rubem Brito e seu sucessor, Augusto Telles, que teriam atrasado as parcelas para causar a cobrança da multa no final do governo.
- O saque nas contas da companhia só vai parar quando se completarem os R$ 25 milhões. Todo o dinheiro que entrar na conta da empresa será confiscado, por determinação judicial, para pagamento da “multa”.


Moral da história: uma indenização de R$ 2 milhões resultou em um acordo de R$ 4 milhões e se transformou em um saque de R$ 25 milhões por causa de um atraso de 10 dias em uma das parcelas.

SEM CENSURA


Jornal eletrônico já é uma realidade em Açailândia

Este colunista é um dos pioneiros na exploração do jornalismo através da Internet em Açailândia e já começa a ganhar adesão de outros tantos interessados em manter a população informada sobre tudo que acontece em sua cidade e tudo em tempo real. O Portal Zill, canal de notícias criado no Estado do Piauí, vem ganhando espaço em várias unidades federativas, inclusive no Maranhão. O Internauta açailandense já se acostumou a essa inovação e possui como rotina o acesso às notícias através do endereço eletrônico: zill.brasilportais.com.br/acailandia. A outra grande inovação do jornalismo eletrônico são os blogueiros – desde o último dia 1º de abril, Açailândia passou a ter mais um canal de comunicação eletrônico, é o Blog “Wilton Lima Sem Censura”. Através do endereço: http://www.wiltonlima.com/, os Internautas do mundo todo têm acesso às informações de nossa região. O sucesso é tanto que em menos de trinta dias, o contador de visitas do blog já registrou quase três mil acessos. Açailândia entrou definitivamente na era do jornalismo eletrônico. Acesse você também deixando seus comentários, sugestões e denúncias.

A BRIGA POR UM LUGAR AO SOL


NOVO GOVERNO
Açailândia tem poucos cargos para muitos interessados

A briga por cargos no novo governo de Roseana Sarney (PMDB) em Açailândia é tão grande, que seria necessário transformar a cidade em um novo Estado para poder atender a demanda. Os cargos existentes são de gestores, diretores e técnicos nas áreas da educação, saúde e agricultura, além do cargo de diretor do Ciretran. O número de correligionário que indica é proporcional ao de indicados, no entanto, as vagas são tão poucas, que poderão deixar muitos frustrados com a possibilidade de receber pelo menos um pedacinho do bolo chamado Maranhão.

ELEIÇÃO NO SINTRASEMA

Chapa Independência é Assim é impugnada
Está com cheiro de missa encomendada – estas foram as palavras dos membros da chapa Independência é assim, ao receberem a notificação da comissão eleitoral da impugnação do registro de candidatura para concorrer ás eleições do Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal de Açailândia, gestão 2009/2013. A alegação da comissão é de que faltou documentação exigida para o registro. Segundo o candidato que encabeça a chapa impugnada, o servidor público Sininger Vidal, isso tudo seria uma armação da administração pública municipal para manter o controle sobre o sindicato. Sininger disse que os servidores estão indignados, porque a mesma documentação exigida pela comissão foi entregue pelo RH da prefeitura a toque de balcão para a outra chapa, dita de situação, enquanto que, o mesmo departamento se nega a fornecer tal documento a chapa de oposição, que está sendo intitulada de “Chapa PittBull".

RAPINA IV


Ex-prefeitos da Região tocantina são presos pela Polícia Fedral
Por João Rodrigues/Imirante (Imperatriz)
IMPERATRIZ — Os ex-prefeitos Washington Pláscido (Governador Edison Lobão), Ildésio Gonçalves de Oliveira (São Pedro D´Água Branca), Nélson Castilho (Montes Altos) e a esposa, também ex-prefeita, Patrícia Castilho, foram presos na manhã desta terça-feira (27) na Operação Rapina IV deflagrada pela Polícia Federal e Controladoria Geral da União (CGU).

Um contador identificado apenas por “Chicão”, responsável pela contabilidade das prefeituras, também foi preso. Outras pessoas suspeitas de participar da mesma quadrilha que desviou cerca de R$ 14 milhões de verbas da União podem ser presas nas próximas horas.

A operação, realizada nas primeiras horas da manhã de hoje, também apreendeu documentos e computadores em escritórios de contabilidades e nas prefeituras. Desta operação participam 25 analistas da Controladoria Geral da União (CGU) e cerca de 170 policiais para cumprimento de 25 mandados de prisão e 42 mandados de busca e apreensão.

Em entrevista coletiva, o delegado chefe das investigações, Pedro Roberto Meireles Lopes, evitou falar em nomes das pessoas presas ou investigadas, mas acabou por confirmar os mandados de prisões contra os ex-gestores. Em uma situação inédita, segundo ele, o Tribunal Regional Federal emitiu mandados de condução coercitiva de pessoas com menor grau de envolvimento na quadrilha, estratégia usada para evitar combinações de depoimentos dentre os suspeitos.
Foto: João Rodrigues

terça-feira, 28 de abril de 2009

OPERAÇÃO RAPINA IV - NA REGIÃO TOCANTINA E NA CAPITAL


PF faz operação em firma na capital; ex-prefeito é preso


A Polícia Federal (PF) realiza neste momento uma operação no escritório da construtora Maxplan, localizada no 9º andar do edifício Planta Tower em São Luís. A ação é comandada por uma delegada. Ela disse ao blog que não pode dar detalhes do trabalho. A empresa pertence ao empresário Max de Araújo Guimarães. Uma pessoa, supostamente ligada a um deputado estadual, teria sido presa no interior da firma. A Maxplan trabalha com obras em diversas prefeituras maranhenses. A ação seria desdobramento da Operação Rapina 4, deflagrada hoje pela manhã nos municípios de Montes Altos, São Pedro da Água Branca e Governador Edison Lobão.


Em cumprimento a mandado expedido pela Justiça Federal, agentes federais prenderam ontem à noite, no Aeroporto de Imperatriz, o ex-secretário de Finanças e ex-prefeito de Montes Altos Nelson Castilho. Ele foi levado à carceragem da PF, localizada no Conjunto Planalto, quando tentava embarcar para São Luís. A PF está neste momento em Montes Altos conduzindo a ex-prefeita Patrícia Castilho e a ex-secretária Municipal de Saúde Isalete. O clima é tenso entre os aliados do grupo da ex-prefeita. Eles buscam maiores informações junto aos meios de comunicação social de Imperatriz.


Cerca de 170 policiais federais, com apoio de 25 analistas da CGU, saíram às ruas para cumprir a 21 mandados de prisão temporária, 42 mandados de busca e apreensão, além de 15 mandados de condução coercitiva, expedidos pela Justiça Federal no Maranhão. Esta operação, que é um desdobramento da Rapina 3, foi deflagrada a partir de um inquérito policial que tramita na Superintendência de Polícia Federal no Maranhão, desde o ano de 2007. Leia mais aqui.

segunda-feira, 27 de abril de 2009

GLEIDE SANTOS x ILDEMAR GONÇALVES




Processo contra Ildemar tem movimentação no TRE.



Gleide Santos pede anulação de eleição em recurso extraordinário que será analisado pela corte.



No dia 1º de abril o juiz Carlos Santana despachou o RE nº. 6947, expedindo carta de ordem ao juiz eleitoral da 71ª Zona Eleitoral a fim de que os recorridos Ildemar Gonçalves dos Santos e Antonio Erismar de Castro fossem intimados a se manifestarem acerca do recurso interposto por Gleide Lima Santos. No entanto, somente no último dia 22, quarta-feira, este despacho foi registrado e publicado no acompanhamento processual da Justiça Eleitoral – TSE. A partir de então, parece ter havido uma agilidade muito grande em torno deste processo – Foram pelo menos três movimentações em questão de segundos.

Há quem diga que o ocorrido, já seria obra da atual governadora Roseana Sarney (PMDB), que segundo informações teria forte ingerência no Judiciário maranhense. Coincidência ou não, o processo que a ex-prefeita Gleide Lima Santos (PRB) move contra o prefeito Ildemar Gonçalves (PSDB), curiosamente começou a tomar corpo, poucos dias após ser empossada como a nova governadora do Maranhão – Ildemar é adversário declarado da Família Sarney e um dos grandes aliados de Jackson Lago, além de que, por pertencer ao PSDB, o prefeito de Açailândia e a governadora do Estado estarão nas eleições de 2010, em front’s totalmente opostos (PSDB x PT/PMDB).

A inicial deste processo movido por Gleide Santos foi protocolado no cartório eleitoral de Açailândia sob o nº. 652982008, em 16/12/2008. No dia 17/02/2009 o juiz Wilson Manoel de Freitas Filho, sentenciou a extinção do processo sem julgamento de mérito, por ausência de condição da ação, qual seja a possibilidade jurídica pedida, em conformidade com o parecer do Ministério Público Eleitoral. Gleide Santos recorreu da decisão e o processo subiu para São Luis e está sendo apreciado pela corte do Tribunal Regional Eleitoral.

NO RÁDIO E NA TV







Juscelino Oliveira critica postura do staff de Ildemar.
“Continuo na base aliada, mas votarei contra qualquer projeto do executivo que leve prejuízo a população, disse o vereador”.

O vereador Juscelino Oliveira (PSL) concedeu entrevista a vários veículos de comunicação na última semana, que mexeu com os bastidores da política açailandense. No Programa “Comando do Meio Dia” apresentado pelo radialista Nilton Cezar e exibido pela Rádio Clube Fm, o vereador foi questionado sobre a sua postura de parlamentar, eleito pelo grupo que ora administra o município e, no entanto, vem fazendo algumas críticas a maneira como o grupo do prefeito reeleito Ildemar Gonçalves (PSDB) vem conduzindo Açailândia; inclusive já estaria aos olhos de alguns do seu grupo, sendo visto como vereador de oposição, em virtude de ter votado, ou pelo menos, deixado que constasse em ata da sessão ordinária da câmara, ser terminantemente contra o projeto do executivo que tratava da contração de pessoal. O mesmos foi incisivo ao responder que continua aliado do grupo do prefeito Ildemar, no entanto, votará contra qualquer projeto que leve prejuízo a população, seja ele do executivo ou do próprio legislativo.

Juscelino completou dizendo que, dentro deste grupo existem muitas pessoas que a todo o momento tentam colocar intrigas entre ele e o amigo Ildemar, não sabendo eles que o prejuízo maior sobre um possível rompimento entre ele [Juscelino] e o grupo do prefeito, o maior prejudicado seria o nosso município. “O prefeito Ildemar precisa urgentemente refletir sobre uma mudança drásticas em grande parte do seu “Staff”, pois é impossível admitir que um prefeito que realizou a melhor administração da história de Açailândia, apresente hoje aos seus eleitores uma administração tão pífia. “Alguma coisa está errada, e pelo visto está nas pessoas que ao invés de estar mostrando para o prefeito o que está errado, simplesmente o ovacionam”, desabafou Juscelino.


O vereador pelo PSL, disse que jamais decepcionará aqueles que o elegeram e que tem a sã consciência que ao final do seu mandato mostrará para aqueles que em primeiro momento não depositaram um voto de confiança nele, que terão uma visão totalmente diferente das reais funções de um parlamentar comprometido com a comunidade.

Ao programa “Conversa Franca” apresentado por este colunista e exibido pelo SBT-Difusora, Juscelino Oliveira confirmou todas as suas afirmações e fez questão de apresentar seus principais projetos desenvolvidos quando ainda era secretário de governo, e agora na condição de parlamentar. Juscelino fez questão de destacar que não adianta o vereador apenas fiscalizar as ações do prefeito, é claro que esta é a função precípua do legislador, mas é também preciso ajudar o prefeito a administrar o município – como fazer isso? Buscando emendas ao município através dos deputados estaduais, federais, senadores, ministros e se possível até junto ao presidente Lula. “Veja bem, uma obra orçada em mais de um milhão e meio de reais, já está sendo iniciada no município – esta obra irá contemplar os Bairros Laranjeiras e Vila São Francisco, e toda esta verba foi conseguida por este parlamentar através do deputado federal Waldir Maranhão (PP), que é hoje Secretário de Ciência e Tecnologia do governo Roseana Sarney (PMDB)”, enfatizou o vereador.

Juscelino concluiu a entrevista falando do déficit habitacional de Açailândia, que é o maior do Maranhão e não se sabe porque cargas d’água está fora desta primeira etapa do projeto do governo federal “Minha casa, Minha vida”. O vereador disse que já estar agendada uma visita à nova governadora do Estado, Roseana Sarney, e esse será o assunto principal. E disse mais, que não medirá esforços para recuperar esse prejuízo, inclusive se necessário for, usará toda a sua influência junto aos amigos na capital federal, para que os dados da carência habitacional do município cheguem ao ministro das cidades Márcio Fortes.
WILTON LIMA

O PODER PELAS VIAS JUDICIAIS



STF pode mudar regras de substituição de políticos cassados



Os candidatos derrotados nas urnas poderão perder o estímulo de procurar o poder através das vias judiciais. O Supremo deve julgar ainda neste semestre a legalidade da determinação do Tribunal Superior Eleitoral de conduzir ao poder os segundos colocados nas eleições em caso de cassação de prefeitos e governadores – como ocorreu recentemente com Roseana Sarney (PMDB), que perdeu nas urnas do Maranhão para Jackson Lago (PDT) mas tornou-se governadora mais uma vez depois de o rival ter sido cassado. Em quase todos os municípios maranhenses, os candidatos derrotados nas urnas moveram processos contra os vitoriosos. Em Açailândia, a ex-prefeita Gleide Lima Santos do PRB, moveu pelo menos três processos contra o resultado das eleições de 2008, 01 desses processos começou a ser agilizado no TRE-MA, coincidentemente após a condução da governadora Roseana Sarney ao cargo - Roseana é adversária política declarada, do atual prefeito de Açailândia Ildemar Gonçalves. De acordo com a Folha (para assinantes), não há um consenso no Supremo sobre o entendimento do TSE, mas é certo que a decisão na Corte será apertada. Alguns ministros dizem estar incomodados com a vitória de candidatos pela via judicial, mas três dos 11 membros do Supremo também integram o TSE e, por isso, dificilmente votarão contra seus colegas de tribunal eleitoral.

Jackson adiantou R$ 5,3 mi por obra em ginásio


A FONTE INESGOTÁVEL DE DINHEIRO DO NOVO RICO DO MARANHÃO


O governo Jackson Lago (PDT), através do então secretário Weverton Rocha (Esportes e Juventude), pagou, em menos de três meses, R$ 5,368 milhões pela “reforma” e “reconstrução” do Ginásio Costa Rodrigues, apesar das obras não terem sido sequer iniciadas. O valor pago à Maresia Construções LTDA, responsável pelos serviços, é quase três vezes o previsto inicialmente. A denúncia foi feita ontem pelo futuro titular da pasta, o suplente de deputado Roberto Costa (PMDB). Ele só assumirá o cargo efetivamente nesta semana, após tomar posse na vaga de Max Barros (DEM) e se licenciar em seguida. O democrata será secretário de Infraestrutura. Apesar dos R$ 5,368 milhões já pagos, o único “serviço” que a empreiteira fez até agora foi derrubar a parte interna e a fachada do ginásio. O contrato para a reforma do Costa Rodrigues foi fechado em 26 de dezembro do ano passado. Um mês antes, o ex-governador havia decretado “Estado de Emergência” para a realização dos trabalhos. O decreto é assinado também pelos secretários Aderson Lago (Casa Civil) e Telma Pinheiro (Cidades e Infra-Estrutura).


No dia 2 de janeiro deste ano foi dada a ordem de serviço prevendo prazo de 90 dias para a conclusão dos trabalhos. Dez dias depois, foi feito o primeiro pagamento no valor de R$ 1,125 milhão. Em 27 de março, mais um recebimento de R$ 709,975 mil. No dia 6 deste mês, foi quitado o que deveria ser a última parcela da “recuperação”: R$ 153,454 mil, totalizando R$ 1,988 milhão.

Cinco dias antes desse “último” pagamento, em 1º de abril, a obra foi aditivada em R$ 3,397 milhões. Esse valor corresponde a aproximadamente 170% dos serviços iniciais quando a Lei de Licitações determina o máximo de 25%. A justificativa é de que, em vez da “reforma”, agora os serviços são de “reconstrução” da praça esportiva. Dos R$ 3,397 milhões, foram pagos no dia 6 (mesma data do pagamento da “última” parcela da “recuperação”) R$ 3,380 milhões, ficando um saldo a ser quitado com a Maresia Construções de cerca de R$ 17 mil.


Supervisão
O pagamento do aditivo ocorreu dois dias antes de a empreiteira ter feito oficialmente a solicitação, após a primeira medição dessa nova etapa do trabalho. Chama a atenção, nessa primeira medição, o fato dela ter sido assinada por um engenheiro e as três seguintes pelo supervisor de Praças Esportivas da secretaria, Ronaldo Marinho.


Resumo da história: a obra já consumiu R$ 5,368 milhões e o único serviço visto no local foi a demolição do prédio. Quadra, alambrado e arquibancada não existem mais. Segundo o futuro secretário, todo o processo foi encaminhado aos órgãos de controle do Estado (Procuradoria Geral e Controladoria) para a tomada das providências cabíveis e suspensão imediata do contrato.


“Vamos buscar o dinheiro de volta e chamar à responsabilidade o antigo gestor (Weverton Rocha). Tudo isso aconteceu com a conivência total do ex-governador Jackson Lago. Ele tem de explicar por que decretou Estado de Emergência nessa obra e por que pagou quase o triplo do previsto a uma empresa que sequer iniciou o serviço. Essa reforma serviu apenas para sangrar os cofres públicos numa total falta de respeito com os esportistas e com a juventude do Maranhão”, afirmou Roberto Costa.


Cronograma de Pagamentos
25/11/2008 – Decretado estado de emergência para “reforma” do Costa Rodrigues

26/12/2008 - Firmado o contrato da “reforma”

02/01/2009 - Dada a ordem de serviço

12/02/2009 - 1º pagamento de R$ 1.125.076,26

27/03/2009 - 2º pagamento de R$ 709.975,62

01/04/2009 - Aditivo de R$ 3.397.944,90 para a “reconstrução” do ginásio

06/04/2009 - Pagamento da última parcela da reforma (R$ 153.454,96) e de R$ 3.380.641,22 do aditivo da “reconstrução”

08/04/2009 - 1ª medição do aditivo da “reconstrução” e pedido do pagamento feito pela Maresia Construções LTDA.
(Com informações de O Estado do Maranhão).

ITINGA PODE SER REBAIXADO PARA A SEGUNDA DIVISÃO DO ESTADUAL







BEC vence e praticamente rebaixa o Itinga do Maranhão

BACABAL - O Bacabal bateu o Itinga por 2 a 1, neste domingo, no Estádio Correão e mantém 100% de aproveitamento no 2º turno do Campeonato Maranhense. O Itinga abriu o placar com Leivinha. Paulão e Marcos fizeram os gols do Leão.

A vitória deixou o BEC a um ponto da classificação para a próxima fase e praticamente rebaixou o Itinga para a 2ª divisão do Campeonato Maranhense. O time de Itinga terá que vencer o Nacional no dia 1º de maio e torcer para que Moto Club e Iape não pontuem nas próximas rodadas.

No outro jogo realizado pelo Grupo B, Nacional e Imperatriz empataram de 0 a 0, no Estádio Binezão, em Santa Inês.

Confira os próximos jogos pelo Grupo B:
1º/05 - Sexta-feira
17h - Imperatriz x Bacabal
17h - Itinga x Nacional
03/05 - Domingo
16h - JV Lideral x Nacional
10/05 - Domingo
17h - Nacional x Bacabal
17h - Imperatriz x JV Lideral

Classificação Grupo B
1 - Bacabal - 6 pontos
2 - JV Lideral - 3 pontos
3 - Imperatriz - 2 pontos (dois jogos)
4 - Itinga - 2 pontos (três jogos)
5 - Nacional - 1 ponto

Blog de Zeca Soares

CONTINUA CHOVENDO MUITO FORTE EM TODO O MARANHÃO




BR-316 permanece interditada em Alto Alegre do Maranhão



SÃO LUÍS - Uma das rodovias mais importantes do Maranhão, a BR-316, continua interditada, entre os municípios de Peritoró e Alto Alegre do Maranhão. O problema é no quilômetro 415. Uma ponte caiu, no fim de semana, por não resistir à força da água do rio Peritoró, cujo nível subiu rapidamente com as fortes chuvas.



Uma equipe técnica do Exército Brasileiro esteve ontem (26), no local, fez avaliações, mediu a extensão do problema e está providenciando medidas urgentes para tentar normalizar o tráfego no trecho. A previsão é de que seja montada uma ponte metálica ainda nesta semana. Segundo as primeiras informações, a estrutura está vindo da região sudeste do país e em 3 ou 4 dias já estará no Maranhão.



Com a queda da ponte, abriu-se uma lacuna de 45 metros na rodovia. O problema é no povoado Livramento, em Auto Alegre. Motoristas que saem de Timon com destino a São Luís precisam buscar outros caminhos. Um dos mais recomendados é por Coelho Neto, seguindo rumo à BR-135. No percurso, há um trecho de 26 quilômetros de estrada não pavimentada, mas o restante oferece plenas condições de tráfego, garante a Polícia Rodoviária Federal.



Já quem sai de Timon com destino a Belém, a alternativa é por Presidente Dutra. Logo após, segue-se para Barra do Corda rumo a Porto Franco e, em seguida, pega-se a rodovia Belém-Brasília.

CHUVAS CONTINUAM CASTIGANDO TODO O ESTADO




Já são 55 mil desabrigados no Maranhão

SÃO LUÍS - Subiu para 55 mil o número de desabrigados em consequência das fortes chuvas que castigam o Maranhão. A preocupação agora é com os doentes que se multiplicam nos abrigos e a recuperação do que foi destruído pelas chuvas nos últimos dias.

Um avião da Força Aérea Brasileira foi usado para transportar os donativos. As tropas do Exército passaram o fim de semana preparando as cestas.

Cada uma delas com 22 quilos de mantimentos. Uma brigada militar com médicos e enfermeiros também está indo até os alojamentos, para examinar a saúde dos desabrigados. Trezentos militares do Exército estão em uma ação humanitária no Vale do Mearim. As famílias atingidas pelas enchentes enfrentam agora os riscos de doenças. O Drama é maior entre as crianças. Os doentes estão recebendo doações de remédios. Só no fim de semana mais 25 mil maranhenses foram atigidos pelas enchentes, agora já são 55 mil atingidas pélas chuvas.

As chuvas têm provocados rompimentos de açudes, destruição de lavouras e interdição de estradas. Crateras impedem o tráfego nas BR’s 222 e 316. A rodovia que liga o Norte ao Nordeste.

O Dnit vistoriou as duas BR´s, mas não tem previsão de começo dos trabalhos nos locais, devido as fortes chuvas que ainda caem na região. O governo do Maranhão pediu apoio ao exército a instalação de pontes móveis nas duas BR´s atingidas. Clique em ‘vídeo’ e assista à reportagem da TV Mirante.
Sidney Pereira/ TV Mirante

E-MAIL RECEBIDO




Cheia do Rio Itapecuru deixa varias famílias desabrigadas em Itapecuru-Mirim

Cristiano Lemos Dias (estudiogenesis62@hotmail.com)
Enviada: segunda-feira, 27 de abril de 2009 3:28:09
Para: WILTON LIMA SOUSA LIMA (
hiltinlima@hotmail.com)

Itapecuru-Mirim (MA) - A cheia do Rio Itapecuru, um dos maiores rios do Maranhão - com cerca 1.500 km de extensão e banha mais dez cidades -, está deixando centenas de desabrigados no interior do estado. Itapecuru-Mirim, a 104 km de São Luís, é um dos municípios que está sofrendo com as enchentes: varias famílias encontram-se desabrigadas. O prefeito do município, Junior marreca falou que se as chuvas continuarem corre o risco de o município de Itapecuru ser, decretado estado de calamidade pública caso a chuva continue.

Várias famílias foram obrigadas a deixar suas casas. Estradas da zona rural estão impossibilitadas do tráfego de motos e carros, o que deixa muita gente sem acesso a sede do município. Algumas pontes estão cobertas pelas águas.

Devido à enchente, a Estação de Captação da Companhia de Águas e Esgotos do Estado do Maranhão (Caema) corre o risco de ser destruída e as alguns povoados de Itapecuru e até mesmo o próprio centro ficar sem o fornecimento de água. A Caema ainda não deu nenhum parecer sobre a atual situação. O excesso de chuva tem, também, elevado o número de interrupções no fornecimento de energia elétrica em alguns povoados.

O município tem em seu histórico grandes enchentes provocadas pelo Rio Itapecuru, como as dos anos de 1986. O Itapecuru e cinco afluentes que passam pelo município (Rio Peritoró, Rio Jundiaí e os igarapés dos Cachimbos, dos Lopes e Garrafinha) contribuem para as grandes inundações.

A prefeitura de Itapecuru-Mirim está intensificando cadastro das famílias que estão desabrigadas para que as mesmas possam receber as cestas básicas e a encaminhando as escolas (CAIC/Col.Newton Neves/Col.Orlando Mota) a secretária de saúde esta dando todo suporte no que respeito a saúde as famílias desabrigadas e com o apoio do Hospital. Regional Adélia matos Fonseca.

Uma grande equipe de voluntários foi mobilizada a brigada militar do município de Itapecuru e a própria guarda municipal dando todo apoio. Ate momento presente não temos nenhum levantamento de quantas famílias estão desabrigadas.
Acesse nosso blog: http://wwwcorreioitapecuruense.blogspot.com/

SOCORRO ÀS PREFEITURAS


Prefeitos querem incluir em MP moratória para dívidas


BRASÍLIA - Os prefeitos vão usar a votação da Medida Provisória 457, que parcela os débitos das contribuições sociais dos municípios, esta semana na Câmara, para conseguir condições melhores de pagamento. A MP, que está trancando a pauta e é o primeiro item a ser votado pelo plenário, deverá ser o caminho para facilitar a vida financeira dos prefeitos, que reclamam da queda de repasse do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) provocada pela menor arrecadação do governo em consequência dos efeitos da crise mundial no País.


Os prefeitos conseguiram R$ 1 bilhão do governo para compensar a perda do FPM, mas querem emplacar na MP a moratória de seis meses para pagar as dívidas, já parceladas em 240 meses, com o INSS. A reivindicação foi negada pelo governo.


Na Câmara, no entanto, há um clima favorecido pelo interesse político dos deputados, de olho no apoio dos prefeitos nas eleições de 2010, de ajudar no caixa das prefeituras.


Deputados defendem uma moratória de quatro meses como contrapartida, e há acenos no sentido de facilitar o pagamento das dívidas com a diminuição da correção, trocando a taxa Selic pela TJLP. Um ponto que pode resultar em negociação com os deputados trata do piso da parcela. Pela MP, os prefeitos terão de comprometer, pelo menos, 1,5% da receita do município com o pagamento das dívidas. Os prefeitos querem acabar com essa obrigação.


Além dessa MP, a Câmara terá de votar a medida provisória que trata da regularização fundiária das ocupações na Amazônia Legal antes de partir para a chamada agenda positiva. O presidente da Câmara, Michel Temer (PMDB-SP), e os líderes partidários tentam votar outros projetos como forma de tirar a Casa do foco de denúncias de irregularidades e diminuir o desgaste político dos parlamentares.
Agência Estado

PRÊMIO MILIONÁRIO


Mega-Sena acumula e deve atingir R$ 36 milhões


SÃO PAULO - Nenhum apostador acertou as seis dezenas sorteadas neste sábado (25) para o concurso 1.068 da Mega-Sena. Com isso, o prêmio, que era de R$ 30 milhões, acumulou para R$ 36 milhões para o próximo sorteio, a ser realizado na quarta-feira (29), segundo estimou a Caixa Econômica Federal.


Confira as dezenas sorteadas neste sábado: 25 – 27 – 44 – 47 – 48 – 57


O sorteio foi realizado na cidade de Rancharia (SP).
Nenhum apostador ganhou a Mega-Sena, mas 146 acertaram cinco números e receberão R$ 19.264,05 cada um, enquanto 10.795 bilhetes fizeram a quadra e vão ganhar R$ 372,20. Para o próximo sorteio de final zero (1.070), o valor acumulado é de R$ 9,99 milhões. Para o concurso especial de Natal, o acumulado é de R$ 13,64 milhões.

VIOLÊNCIA CONTRA O HOMEM

Mulher decepa pênis de companheiro e foge no Recife

RECIFE - Isaías Saturnino da Silva, de 42 anos, teve seu pênis decepado pela companheira, Maria das Graças Santos Neri, com uma faca de cozinha na tarde da sexta-feira enquanto dormia. Depois de realizar a castração, a agressora jogou a faca no telhado da casa em que viviam, no bairro de Afogados, no Recife, e fugiu.

Silva foi atendido horas depois no Hospital Otávio de Freitas, no bairro do Sancho, e teve o pênis reimplantado, mas a cirurgia não teve êxito. De acordo com o médico da emergência João Veiga, que fez parte da equipe de atendimento, o pênis reimplantado necrosou e deverá ser novamente amputado. "A necrose é irreversível", afirmou hoje. O procedimento deve ser realizado amanhã pela manhã, depois de uma reavaliação médica.

Duas hipóteses foram levantadas por vizinhos e conhecidos da mulher para justificar a atitude. A primeira é a de que Silva teria abusado sexualmente da enteada de sete anos. A segunda hipótese é a de que a castração teria sido motivada por ciúmes. Até o início da noite de hoje, Maria das Graças Santos Neri continuava desaparecida.

No caso da castração que teve repercussão internacional, em 1993, quando Lorena Bobbit decepou o pênis do marido John Wayne Bobbit, no estado da Virginia, nos Estados Unidos, o reimplante teve sucesso e ele chegou a atuar como ator de filmes pornográficos. Ela foi absolvida.
Contudo, no caso pernambucano, a vítima não deverá ter a mesma sorte. Houve demora para o atendimento hospitalar e não havia disponibilidade de material especializado para a microcirurgia - a exemplo de fio com metade da espessura de um fio de cabelo.
Agência Estado

DELEGAÇÃO DO TIME DE IMPERATRIZ SOFRE ACIDENTE




Acidente com ônibus do time do Cavalo deixa 10 feridos
BOM JESUS DAS SELVAS - Um acidente com o ônibus da delegação do Cavalo de Aço, por volta de 3h30 da madrugada de hoje, deixou pelo menos 10 feridos, no KM 100, da BR-222, em Bom Jesus das Selvas. A delegação retornava de Santa Inês, após o empate de 0 a 0, com o Nacional, no Estádio Binezão.


Os casos mais graves são os do jogador Daniel (volante) que sofreu fratura no braço direito e do treinador de goleiros Esquerdinha que teve perfurações no pulmão. Os dois foram lançados para fora do ônibus e levados em estado grave para um hospital em Imperatriz. Os jogadores Deanzinho, Vitor, Júnior Bahia, Júnior Paulista, Raniére e Curuca estão entre os que sofreram ferimentos leves.


O acidente, segundo o repórter Carlos Dantas da Rádio Mirante AM, que também viajava no ônibus aconteceu no momento em que o motorista tentou fazer uma curva em alta velocidade e acabou perdendo o controle do veículo. O narrador e comentarista da TV Mirante, Marcelo Rodrigues sofreu uma forte pancada na costela e também foi levado de ambulância para Imperatriz.


Os dirigentes do Cavalo de Aço já adiantaram que vão pedir à Federação Maranhense de Futebol o adiamento da partida contra o Nacional, marcada para a próxima sexta-feira, às 17h, no Estádio Cafeteirão, em João Lisboa.
Imirante

domingo, 26 de abril de 2009

BIG BROTHER BRASIL






















Paparazzo
Algumas imagens do ensaio da Priscila do Big Brother

Por Felipe Lessa
Nome completo: Priscila Pires dos Santos
Data de nascimento: 31/07/82
Signo: LeãoApelido: Pri ou Morena
O que mais gosta no seu corpo: Olhos
O que admira em um homem: Inteligência
O que não tolera em um homem: Arrogância e grosseria
Homem bonito: David Beckham
Mulher bonita: Angelina Jolie
Uma dica para seduzir um homem: Olhar e não falar
Uma dica para seduzir Priscila: Olhar e falar
Um lugar pra fazer amor: Uma cama bem grande
Perfume: Issey Miyake e Angel
Uma música: “Set me free”, do House BoulevardFilme: "O mistério da libélula"
Não vivo sem: Minha família
Uma frase: "Prefiro fazer e me arrepender do que imaginar como seria”

ACIDENTE AÉREO


Avião cai durante pouso de emergência em Imperatriz


Um avião pertencente ao Aeroclube de Imperatriz, modelo Aeroboero, monomotor de prefixo PP-FLL, caiu ontem, por volta das 16h45, em uma lagoa situada no final da rua General Gurjão, nas proximidades da rua Godofredo Viana. Em poucos minutos, centenas de curiosos chegaram ao local, logo evacuado pela rápida ação da Polícia Militar. A área, localizada no Bacuri, poderia ser palco de uma tragédia pela alta densidade de famílias residentes no local. Tudo indica que a perícia do piloto, em buscar a lagoa, área isolada, evitou um acidente de grandes proporções.

Moradores afirmaram que foram surpreendidos pelo ruído do avião, que voava baixo, o que sugere a tentativa de um pouso forçado. A reportagem apurou que duas pessoas ocupavam a aeronave, o piloto José Maria e a presidente do Aeroclube de Imperatriz, a médica Hilma.
Para o local, acorreram o SAMU, acionado pelo 192, o Corpo de Bombeiros, além de uma equipe da Infraero. Apesar da preocupação de funcionários do Aeroclube em retirar o combustível do avião, não houve risco de explosão.

Funcionários do Aeroclube que cuidavam do resgate, afirmaram que a aeronave encontrava-se em manutenção e que o vôo era justamente para checar suas condições reais. Problemas mecânicos teriam ocasionado a pane que levou o piloto a buscar o pouso forçado.
Na descida, ao bater na cerca de arame farpado, o piloto perdeu totalmente o controle, com o avião ficando virado, inclusive com um dos pneus sendo jogado metros adiante.

O piloto teria quebrado uma das clavículas e a passageira, Hilma, nada teria sofrido.

ENCHENTES NO MARANHÃO


Sucuri é capturada no Centro de Trizidela do Vale


TRIZIDELA DO VALE - A vida selvagem buscando refúgio no caos urbano provocado pelas enchentes no Vale do Mearim, no Maranhão. A sucuri foi capturada no Centro do município de Trizidela do Vale - uma das cidades mais alagadas com as enchentes que já atingiram mais de 30 mil pessoas no Maranhão. A foto serve para mostrar o perigo que representa os mergulhos frequentes nas ruas alagadas.

sábado, 25 de abril de 2009

AOS FLAMENGUISTAS DE PLANTÃO


Acerto entre Fla e Adriano está perto


RIO DE JANEIRO - O Flamengo tem muito mais do que portas abertas para Adriano. O blog do jornalista Gilmar Ferreira informou, e o GLOBOESPORTE.COM confirmou, que as negociações com o jogador estão avançadas.


O vice-presidente de futebol do clube, Kleber Leite, esteve na casa do Imperador para uma conversa preliminar há duas semanas. Segundo amigos do jogador, a vontade dele é ficar no Rio de Janeiro e participar do Campeonato Brasileiro a partir de agosto. Ele teria um acordo verbal para fechar contrato com o Rubro-Negro.


O empresário de Adriano, Gilmar Rinaldi, diz que não é momento para especular o futuro de seu cliente:
- É hora de ele relaxar. O Adriano ainda nem disse que deseja voltar aos campos. Daqui a dois, três meses podemos começar a pensar nas opções.


Volta para casa
Adriano foi criado nas divisões de base do Flamengo e deixou o clube em 2001 para jogar no Inter de Milão. Depois de oito anos na Itália, afirmou no último mês que gostaria de “dar um tempo” no futebol e rescindiu o contrato nesta sexta-feira.


O advogado Marcos Motta explicou que, teoricamente, Adriano só poderia ser inscrito no Brasil quando a janela de transferências internacionais reabrir, em agosto. Mas há um precedente.


- Se o Flamengo fizer um pedido à CBF pode haver uma inscrição especial – explicou
Globoesporte.com

CHUVAS CASTIGAM O MARANHÃO


Voluntários se unem para ajudar vítimas no MA


SÃO LUÍS - Cerca de quinhentas famílias desabrigadas pela cheia do rio Mearim, em Pedreiras, começaram a receber donativos de primeira necessidade. A Defesa civil distribuiu, nessa primeira etapa, 310 colchões e 200 filtros para os desabrigados.


Neste fim de semana, os desabrigados das enchentes no Maranhão vão receber dez toneladas de alimentos e outros itens doados por moradores da Capital.


Cerca de 15 jovens vão levar ajuda humanitária aos desabrigados de Trizidela do Vale - uma das cidades mais castigadas pelas cheias no interior do Maranhão. Na bagagem, roupas e alimentos, que serão entregues às vítimas das cheias. Os jovens fazem parte de uma brigada militar da Capital e vão passar cinco dias trabalhando como voluntários na remoção de desabrigados e em resgates nas áreas de risco.


No Monte Castelo, mais solidariedade: Em quatro dias, moradores e voluntários conseguiram arrecadar cerca de 10 toneladas de alimentos, além de roupas e outros donativos, armazenados no pátio de uma escola do bairro.


Todo material arrecadado será entregue à Defesa Civil Estadual, para ser distribuído aos moradores de Tufilândia e Marajá do Sena. Comunidades da Vila Isabel Cafeteira e do Pão de Açúcar, na Capital, também vão receber parte das doações.


E o trabalho não pára. Vários postos em São Luís vão continuar o trabalho de arrecadação de alimentos para os desabrigados.

sexta-feira, 24 de abril de 2009

PREVISÃO DO TEMPO EM TODO O ESTADO


Fim de semana com chuva no Maranhão


BRASÍLIA - A chuva deve continuar durante o final de semana nos municípios da região leste de Santa Catarina e do centro e norte do Maranhão. De acordo com Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), haverá ocorrência de chuva forte ainda hoje (24) no Maranhão.


No decorrer do final de semana a intensidade das chuvas deve diminuir. No estado, a chuva atingiu 33 mil pessoas. Seis mil estão em abrigos públicos e 5,7 mil estão desalojadas. A capital, São Luís, e as cidades de Trizidela do Vale, Alto Alegre do Pindaré, Lago da Pedra, Marajá do Sena, Arame, Tufilândia, Presidente Vargas, Nina Rodrigues, Pindaré Mirim, Pedreira, Caxias e Bacabal decretaram situação de emergência.


Em Trizidela do Vale e Pedreiras, a situação é agravada pela cheia do Rio Mearim, que banha as duas cidades. Com a temporada de chuvas, o nível da água subiu cerca de 6,5 metros, passando de 2 metros para 8,5 metros.
Agência Brasil

DEU NO BLOG MARCOS D'EÇA


Até na desgraça o Nordeste é discriminado pelo Sul do país
No ano passado, o Estado de Santa Catarina sofreu horrores com as chuvas, que mataram e desabrigaram em várias cidades do estado. A mobilização nacional em prol daquele estado foi algo comovente. Empresas fizeram manifestações em favor dos desabrigados, o Governo Federal foi às áreas atingidas ver de perto o estrago e a mídia deu cobertura quase ininterrupta sobre o episódio - inclusive com reportagens especiais. Enfim, Santa Catarina, estado dos mais ricos do país, recebeu a atenção devida de todo o país e comoveu, do cidadão comum ao mais rico empresário.

Agora, quem sofre com as intensas chuvas e enchentes é o povo do Maranhão e do Pará. No Maranhão, para ficar em nosso estado, os municípios de Trizidela do Vale e Pedreiras são assolados pelas chuvas e já registram cerca de 30 mil desabrigados - quase o mesmo que Santa Catarina. Isto pouco parece importar ao Sul do país. A cobertura da mídia nacional é tímida e desinteressada, só com matérias factuais sobre o assunto. Não se viu propaganda institucional de Itaú, Bradesco e outras empresas em prol dos desabrigados maranhenses.

Enfim, o sofrimento do povo maranhense parece não ter a mesma importância que o sofrimento do povo catarinense. Esse desprezo incomodou o chefe do Escritório de Representação do Maranhão em Brasília, Chiquinho Escórcio. O secretário pretende mobilizar a opinião pública para o fato e mostrar que o sofrimento é o mesmo, aqui ou no Sul do país.

- Já conversamos com a Casa do Maranhão (entidade com sede em Brasília) para chamarmos atenção das autoridades e empresas para o drama do Maranhão. Em Santa Cataqrina nós vimos a comoção nacional. Porque nada fizeram também quando o problema ocorre no Maranhão? - questionou Escórcio.

É uma forma de mostrar também que, apontar as misérias do Maranhão apenas por apontar é preconceito aberto.

Ignorar as desgraças deste mesmo estado, é crueldade criminosa…

De cima para baixo:
Foto 1 - Vista áerea da enchente em Santa Catarina
Foto 2 - Vista áerea de área inundada no Maranhão

TRE cassa mandato de Camilo Figueiredo


O TRE do Maranhão cassou no início da noite desta quinta-feira o mandato do deputado estadual Camilo Figueiredo (PDT) por 3 votos a 2.
O relator da matéria foi o juiz Carlos Santana, mas o corregedor José Joaquim Figueiredo dos Anjos puxou voto divergente em favor da cassação sendo seguido pelos juízes Luiz Gonzaga e Megbel Abdalla. O juiz Nivaldo Guimarães acompanhou o relator e Roberto Veloso não compareceu à sessão. A denúncia contra o deputado (foto) foi feita pelo Ministério Público Eleitoral (MPE).

Vice-presidente da Assembleia Legislativa, Camilo Figueiredo foi acusado de realizar gastos de campanha em desacordo com a legislação eleitoral. Fez despesas com recursos que não transitaram na conta bancária específica. No entanto, ele só deverá deixar o mandato após o julgamento dos embargos de declaração ajuizados por seus advogados no próprio TRE. Ele poderá recorrer ainda ao TSE.

De acordo com a denúncia do MPE, o pedetista realizou despesas em Sítio Novo com locação de bens móveis, combustível, publicidade com carros de som e em muros e serviços realizados por terceiros com dinheiro que não transitou na conta de campanha. Esses gastos não foram declarados em sua prestação de contas aprovadas pelo TRE em 2006. As despesas teriam ocorrido com a contratação do ex-prefeito de Sítio Novo João Alfredo do Nascimento como cabo eleitoral por R$ 51 mil. O dinheiro foi depositado em quatro parcelas na conta da mulher do ex-prefeito.
O relator Carlos Santana argumentou em seu voto que o tribunal aprovou as contas do deputado e que em Sítio Novo ele teve apenas 471 votos dos 37.488 com os quais foi eleito não gerando, portanto, a “potencialidade” exigida pela legislação. No entendimento de José Joaquim e dos outros juízes, porém, o fato, além de infrigir a Lei Eleitoral, feriu o princípio da isonomia econômica que deve haver entre os candidatos.
Bacabal
Já são dois os deputados cassados nessa legislatura no Maranhão. Em novembro do ano passado, o TSE cassou o mandato da deputada estadual Graciete Lisboa (PSDB). Ela mantém-se no posto porque a Corte ainda não julgou recursos ajuizados por seus advogados. Graciete foi acusada pelo hoje aliado Jura Filho (PMDB) de usar, durante as eleições de 2006, obras da Prefeitura de Bacabal, comandada na época pelo marido Raimundo Lisboa - então no PSDB e hoje no PDT - para promover sua campanha.

quinta-feira, 23 de abril de 2009

PARECER TÉCNICO DO TCE/MA FOI PELA REPROVAÇÃO


Vereadores seguem parecer do TCE e reprovam contas de Gleide Santos por maioria absoluta
Açailândia – Os vereadores de Açailândia reprovaram na manhã desta quinta-feira, 23, durante sessão ordinária da Câmara Municipal, as contas da Prefeitura Municipal de Açailândia, referentes ao exercício financeiro de 2003, sob responsabilidade da ex-prefeita Gleide Lima Santos, hoje no PRB.

Duas comissões permanentes da Câmara analisaram as contas da ex-prefeita, enviada à Casa pelo TCE/MA, conforme parecer prévio PL-TCE nº 107/2007. No parecer o tribunal, após identificar “irregularidades insanáveis” nas constas de Gleide Santos, orientou pela desaprovação das contas e estabeleceu multa no valor de R$ 2.362,00.

As comissões permanentes de Orçamento e Finanças e de Constituição, Legislação, Justiça e Redação Final, após leitura no plenário da Casa, passaram a analisar a documentação, que constou ainda de defesa espevitada pela ex-gestora. Deste trabalho foram originados dois pareceres, ambos optando pelo reconhecimento do parecer do TCE e pela reprovação das contas.

Entre os principais pontos apresentados pelo Tribunal de Contas em seu parecer, estão a “desobediência ao princípio da licitação e ao princípio da transparência fiscal, além de contratação irregular de pessoal”.

Segundo o presidente da Câmara, vereador Hélio Santos, os trabalhos de análise do processo foram realizados com coerência e imparcialidade, visando não prejudicar a ex-gestora. “O trabalho foi realizado de forma técnica e coerente, para não cometer injustiça e muito menos perseguir a quem quer que seja, por isso podemos afirmar que os resultados, ou seja, os pareceres das comissões foram fundamentados e dentro da legalidade”, disse o presidente.

Estiveram presentes à sessão oito dos 11 vereadores, destes sete votaram favoravelmente aos pareceres das comissões e do TCE/MA. Apenas o vereador Alexssandro Bebezão (PHS), votou contra os pareceres. Para que as contas de Gleide fossem aprovadas era necessária a votação contrária aos pareceres de dois terços da Casa, o que não aconteceu.

Na manhã de hoje, a Câmara se reunirá em nova sessão ordinária, onde os pareceres deverão retornar à pauta para votação em segundo turno, conforme determina o Regimento Interno da Casa, no entanto, com o resultado da primeira votação, pode-se considerar que o quadro é irreversível.

A Comissão de Orçamento e Finanças emitiu também o Projeto de Decreto Legislativo nº 002/2009, no qual rejeita as contas da Prefeitura Municipal, relativas ao exercício de 2003, sob responsabilidade de Gleide Santos, que a exemplo dos pareceres, passou pela primeira votação ontem e segue para a pauta de hoje, visando o segundo turno.

As comissões analisam ainda as contas de mais quatro gestores, Leonardo Lourenço de Queiroz, Gilson Freire de Santana, Deusdedith Alves Sampaio e Jeová Alves de Sousa. Os vereadores estão aguardando as defesas destes ex-gestores para finalizarem os respectivos pareceres.

“Os mesmos critérios adotados para analisar as contas da ex-prefeita Gleide estão sendo adotados para os outros gestores, ou seja, o que estiver dentro da legalidade, será considerado, o que não estiver, receberá o mesmo tratamento, dentro da ética, da técnica legislativa e a consciência dos vereadores”, garantiu Hélio Santos.

Voto contrário – O vereador Alexssando Bebezão votou contra os pareceres das comissões e do Tribunal de Contas do Estado do Maranhão. Em suas justificativas, durante as explicações pessoais da sessão, o parlamentar argumentou que havia votado com sua consciência e considerando que o período de governo de Gleide Santos foi turbulento, com a entrada e saída de prefeitos no município.

Com a reprovação das contas da ex-prefeita nesta quinta-feira, Gleide Santos está inelegível por até oito anos, sem a possibilidade de concorrer a qualquer cargo público.
Fonte: Assessoria de Comunicação

FUGA DE PRESAS







Três mulheres conseguem fugir do 1º DP
POR ANTONIO MARTINS
As fugas de presos das delegacias de Açailândia já é um fato comum. A novidade é que agora as presas resolveram planejar também as suas fugas espetaculares. Três detentas abriram uma das celas do 1º DP, pularam um muro de cerca de cinco metros e empreenderam fuga. Há suspeitas de que as presas receberam ajuda externa, pois foi encontrado um cavalete do tipo que é usado em construções. As fugitivas foram identificadas pelos prenomes de Lúcia, Das Dores e Ana Leide, (FOTO) todas acusadas de furtos.
FUGA FRUSTRADA
Na manhã de quarta-feira (22) agentes de plantão da Delegacia Regional de Açailândia, hoje chamada de Centro de Detenção Provisória, evitaram mais uma fuga de presos. Os elementos arrebentaram os três cadeados de uma das celas e já se encontravam nos corredores quando foram avistados pelos policiais. Os bandidos foram rendidos e retornaram para as celas. Esta seria a 5ª fuga das delegacias de polícia de Açailândia. Em uma vistoria de rotina no CDP, foram encontrados celulares, carregadores e uma infinidade de armas de fabricação caseira (foto acima).