quinta-feira, 3 de dezembro de 2015

BOMBA!!! BOMBA!!! Servidor Público de Açailândia poderá ficar sem o seu 13º Salário.

Curiosamente, em meio a todo esse desastre, Juscelino quer suplementar o orçamento do Município na calada da noite. Um Projeto de Lei já foi encaminhado aos seus colegas vereadores, que agora apreciarão e dirão se autoriza ou não a Juscelino a gastar milhões de reais.

Impressao-de-Dinheiro-Falso-2

Como resultado de uma administração desastrosa que já perdura por quase 05 meses, o principal aliado de qualquer gestão pública, o servidor, corre sério risco de não receber o seu legítimo 13º salário – um enorme prejuízo para as famílias, como também para o comércio local que todos os anos enchem suas prateleiras no final do ano contando com essa renda extra do servidor público que pode chegar a uma ordem de mais de 10 milhões de reais.

Como já era de se esperar, pois o prefeito em exercício Juscelino Oliveira, não tem nenhum tino para administrador, haja vista, ter fechado praticamente todas as empresas que abriu até hoje, simplesmente meteu os pés pelas mãos, perdeu totalmente o equilíbrio financeiro do Município, não fez caixa, porque também nunca e jamais será um negociante tradicional, muito pelo contrário, Juscelino é um gestor por acidente e que só trabalha a toque de caixa, ou seja, simplesmente gasta, sem nenhum planejamento, tudo que recebe.

Curiosamente em meio à todas essas peripécias Juscelino agora, faltando menos de 30 dias para o final do ano, encaminha à câmara de Açailândia, um Projeto de Lei extremamente suspeito pedindo autorização para suplementar o orçamento da prefeitura de Açailândia em milhões de reais, mas esse é um assunto a ser tratado com mais detalhes por este Blog em outro post.

A esperança do servidor público é a ação que tramita no Supremo Tribunal Federal, que pode reconduzir a prefeita Gleide Santos ao comando de Açailândia. Como Gleide desenhou em sua história política uma ótima imagem de boa pagadora, poderá tentar fazer uma mágica com os cofres públicos, pois poderá recebe-los vazios, e assim, contemplar os trabalhadores com seu 13º salário – mesmo assim, será uma missão quase impossível.

2 comentários:

Anônimo disse...

A aprovação já é certa, já que todos os vereadores estão aceitando tudo que o prefeito mandar, sem contar que todos eles tem muitos afilhados sendo apadrinhado pelo atual prefeito que não faz nada, porém isso não é novidade e sim de conhecimento de todos os cidadão açailandense e até mesmo daqueles que não são.Falta uma grande investigação no município.

Anônimo disse...

Acho pouco provável isso acontecer,logo ano político vindo e querer se sujar logo com o servidor que é quem faz a administração acontecer isso seria suicídio político e o prefeito por enquanto acho que não quer se matar não.