quinta-feira, 31 de dezembro de 2015

Final de Ano Tenebroso: Enquanto pacientes do HMA sofrem por falta de atendimento Juscelino derrama uma enxurrada de mentiras em entrevista a uma rádio local

 No Hospital Municipal de Açailândia falta desde medicamentos básicos até a grande maioria dos insumos necessários para atender a grande demanda hospitalar do Município.


Açailândia - Ao percorrer as dependências do único hospital público da cidade, é possível encontrar casos e histórias que ilustram o drama de quem necessita do atendimento da saúde pública em Açailândia (CLIQUE NO LINK O VEJA OSVÍDEOS).

Em visita ao Hospital Municipal de Açailândia os Conselheiros Municipais de Saúde ouviram somente o que se houve sempre da atual administração municipal, muitas mentiras e enrolação, pois nada do que foi prometido pelo Diretor do HMA foi cumprido – é Juscelino fazendo escola. Informações dão conta que a Promotoria Pública, acompanhada da Defensoria Pública fará nova visita ao Hospital Municipal de Açailândia, nesta quinta-feira, dia 31, para cobra soluções imediatas para os pacientes que se encontram já há mais de 30 dias internados aguardando uma cirurgia ortopédica.

Os conselheiros da Saúde estão monitorando os seguintes casos que aguardam por cirurgias:

- Maria Firmino da Silva, 61 anos, aguarda por cirurgia de fêmur direito, esperando há trinta 30 dias, encontra-se internada na enfermaria 12, leito 35;  
- Raimundo Marques Furtado, 74 anos, aguarda cirurgia de fêmur direito esperando há dezoito dias 18 dias, encontra-se internado na enfermaria 05, leito 10;
- João Barroso dos Santos, 88 anos, que também aguarda cirurgia no femo esquerdo esperando há doze 12 dias, enfermaria 03 leito 01.

Segundo foi apurado pelos conselheiros o Diretor do Hospital Municipal também faltou com a verdade ao afirmar que estaria disponível o medicamento que é de suma importância, que é a HEPARINA - A Heparina é um anticoagulante de uso injetável que previne a formação de trombos e pode ser encontrado no mercado com o nome de Liquemine. Este medicamento é indicado para a prevenção de tromboses arteriovenosas e prevenção da embolia pulmonar.

Durante o trabalho de vistoria dos conselheiros da saúde foi verificado que ainda não tinha chegado sequer uma 01 unidade desse medicamento para o uso dos pacientes, um situação vergonhosa para a direção do SESP, e uma tremenda falta de respeito para com a população Açailandense que sofre com o descaso da atual administração do prefeito e seu secretário de saúde que ao que parece não estão preocupados nem um pouco com o sofrimento deste pacientes e seus familiares.

Com informações do Blog Folha de Cuxá.

Prefeita acusa vereadores de cobrar propina para aprovação de Projetos. Em Açailândia é diferente?????




201quiEm entrevista concedida a O Estado na tarde de ontem (30), a prefeita de Santo Amaro, Luziane Lisboa (PP), disse que resolveu denunciar ao Ministério Público os vereadores acusados por ela de cobrar propina para a aprovação de projetos (reveja) porque eles voltaram a exigir pagamento para que a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2016 – que já deveria estar aprovada desde o primeiro semestre deste ano – e da Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2016 passasse em plenário.
Os cinco vereadores de oposição  - que formam a maioria da Casa, composta por nove parlamentares - foram denunciados ao MP;.
“Eles começaram a mandar recados pelos meus secretários e eu percebi que eles queriam usar o mesmo artifício agora no fim do ano, que só aprovariam mediante pagamento. Mas eu disse: ‘dessa vez eu não vou ceder’. Isso é extorsão. Eu não vou mais aceitar esse tipo de coisa”, afirmou.
Segundo a prefeita – que não explicou por que não denunciou o caso logo na primeira vez -, foi por não haver concordado em pagar novamente para que as matérias passassem em plenário que os vereadores decidiram pelo seu afastamento, em sessão realizada na segunda-feira (28).
Dos 9 vereadores, cinco votaram a favor: Dodó Carneiro (PT), Geni Silva (PTB), Maria Divina (PSDC), Zeca Dentista (PDT) e Zeca da Travosa (PDT). São eles os que figuram como denunciados no processo protocolado no MP.
“Como eu não cedi, eles abriram esse processo pelo meu afastamento”, relatou Luziane. Ela admite que o vazamento do vídeo é uma espécie de retaliação aos opositores. “Não deixa de ser, porque o orçamento, agora, foi a gota d’água”, comentou.

Flávio Dino cumpriu somente 9 das 33 promessas de campanha


dino

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), cumpriu 9 das 33 promessas de campanha registradas no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) durante as eleições de 2014 e reforçadas em entrevistas e debates durante o pleito.
O levantamento é da equipe do G1 no Maranhão.
Ainda de acordo com o material produzido pelo portal, outras 9 promessas foram cumpridas apenas em parte e 14 não foram cumpridas.
Clique aqui e acesse todo o levantamento.

quarta-feira, 30 de dezembro de 2015

Três formas para convencer os pobres que aumentar o salário mínimo é ruim

O salário mínimo nacional passa a ser de R$ 880,00 a partir desta sexta (1). São 92 jujubas a mais do que os R$ 788,00 válidos até agora, ou seja, um aumento de 11,7%.
A política de valorização do mínimo, um cálculo que considera a inflação e a variação do PIB, levou a um aumento no seu poder de compra. Em 1995, adquiria-se uma cesta básica com o mínimo. Hoje, 2,14 cestas de acordo com o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Econômicos (Dieese). Esse valor representa um aumento real de 77,53% (descontada a inflação) desde 2002.
Mas isso passa longe, muito longe, de ser suficiente, pois não se come números ou se veste estatísticas. O salário mínimo mensal necessário para manter dois adultos e duas crianças deveria ser de R$ 3.399,22 – em valores de novembro de 2015 (última previsão disponível). O cálculo é feito, mês a mês desde 1994, pelo Dieese.
Para tanto, considera o que prevê a Constituição, ou seja: “salário mínimo fixado em lei, nacionalmente unificado, capaz de atender às suas necessidades vitais básicas e às de sua família, como moradia, alimentação, educação, saúde, lazer, vestuário, higiene, transporte e previdência social, reajustado periodicamente, de modo a preservar o poder aquisitivo, vedada sua vinculação para qualquer fim''.
Mas como todos sabemos, infelizmente o belo artigo 7º, inciso IV, da Constituição Federativa do Brasil, que trata dessa questão, é uma piada mais engraçada do que aquela do papagaio gaúcho que passava trote em Macapá. Estamos longe de garantir dignidade com esse mínimo.
É claro que, nas grandes cidades, são poucos os que recebem apenas o piso. Contudo, ele segue referência para mais de 48,3 milhões de pessoas, entre aposentados e pensionistas (22,5 milhões), empregados com carteira assinada (13,5 milhões), trabalhadores autônomos (8,2 milhões) e trabalhadoras empregadas domésticas (3,99 milhões), entre outros trabalhadores que são remunerados com base nele.
Ninguém está pregando aqui a irresponsabilidade fiscal geral e irrestrita. Ou dizendo que não se aumenta por “maldade''. Mas valeria a pena dar ao assunto o cuidado e a atenção que ele merece, porque o reajuste do salário mínimo é uma das ações mais importantes para melhorar a qualidade de vida do andar de baixo. Afinal de contas, salário mínimo não é programa de distribuição de renda, é uma remuneração mínima – e insuficiente – por um trabalho. Não é caridade e sim uma garantia institucional de um mínimo de pudor por parte dos empregadores e do governo.
Fico pensando o que deve passar pela cabeça de uma pessoa que mora no interior do país, recebe um mínimo e tem que depender de programas de renda mínima para comprar o frango do Ano Novo, quando vê na sua TV especialistas culpando pelas desgraças planetárias os menos de R$ 5 bilhões que serão gastos pelo governo para bancar o aumento. E, na sequência, vê notícias de bilhões desviados em escândalos de corrupção envolvendo políticos e empresas, como nas operações Lava Jato e a Zelotes. Ou quando descobre que os mais ricos são porcamente tributados, isentos em bilhões da taxação no lucro de suas empresas, por exemplo. Ou que centenas de bilhões são pagos em juros da dívida – que insiste em não ser auditada.
Nesse momento, algumas dessas pessoas sentem-se otárias, engolem o choro da raiva ou da frustração de ganharem como um passarinho, apesar de trabalharem como um camelo e torcem para a novela começar rápido e poderem, enfim, ver outra tragédia. Não porque precisam se mostrarem fortes – sabem que são. Mas porque percebem que o país não é deles mesmo.
Toda a vez que chega a época de debates sobre o mínimo, especialistas descabelam-se na mídia com o impacto desse aumento nas contas públicas. Muitas vezes essas análises são produzidas em uma linguagem que poucos conseguem entender, ou seja, em código para atingir aqueles que sabem decodificá-lo, ou seja, um grupo economicamente seleto, ou seja, outras pessoas, mas não você. Há todo um discurso criado e difundido para aceitar tudo como está.
Ou, por outro lado, podem ser colocadas de forma a parecerem proposições tão claras e óbvias que ir contra elas é um atentado à razão. Em outras palavra, “só um idiota não concordaria com isso”.
Separei alguns exemplos que já havia trazido aqui ao longo do tempo:
1) “O governo deve desvincular a Previdência do aumento do salário mínimo. Os aposentados não podem receber aumentos na mesma progressão que a população economicamente ativa.”
Em outras palavras, quem pode vender sua força de trabalho merece comer, pagar aluguel, comprar remédios. O governo tem que se preocupar em garantir a manutenção da mão-de-obra para o capital – o resto que se dane. Para que gastar com quem já não é útil à sociedade com tanta dívida pública para ser paga? Melhor seria instituir de vez que, chegando a tal idade, os idosos pobres deveriam se destinar a instituições parecidas com aquelas do livro “Admirável Mundo Novo”, de Aldous Huxley, para serem reciclados. Mais rápido e clean. De repente, pode-se até chamar uma blogueira de moda jabazeira para sugerir decoração para o ambiente de abate dos mais velhos, incentivando – com isso – a liberdade de expressão.

2) “Cada real a mais de salário mínimo representa um aumento de bilhões no prejuízo do governo federal.”
Primeiro, se fossem efetivamente cobradas as grandes empresas sonegadoras da Previdência, o “rombo” não seria desse tamanho. Mas isso é de interesse de quem? Dos representantes políticos que receberam doações de campanhas dessas mesmas empresas? Além disso, constata-se que a cada aumento no salário mínimo ocorre um aquecimento na economia de locais de baixa renda, o que gera empregos e melhora a qualidade de vida de milhões de pessoas. Então, seria interessante o especialista definir melhor o que é “prejuízo” antes de usar o termo.

3) “É importante aumentar o mínimo? Sim. Mas a população tem que entender que não é o aumento do mínimo que vai distribuir renda e sim o crescimento da economia.”
Os economistas da ditadura civil-militar falavam a mesma coisa, mas de uma forma diferente, algo como “é preciso primeiro fazer o bolo crescer, para depois distribui-lo”. Foi o que escrevi no post anterior, desta terça (29): apesar de você ter ajudado a produzir o doce tira a mão dele que não é hora de você consumi-lo. Considerando que nossa concentração de riqueza é uma das mais altas do mundo, percebe-se o tipo de resultado que dá essa fórmula. Além do mais, salário mínimo não é programa de distribuição de renda, é uma remuneração mínima – e insuficiente – por um trabalho feito. Não é caridade e sim uma garantia institucional de um mínimo de pudor por parte dos empregadores e do governo. O melhor de tudo é o tom professoral de “A população tem que entender”, como se o especialista que disse isso fosse um ser iluminado dirigindo-se para o povo, bruto e rude, para explicar que aquilo que eles sentem não é fome. Mas sim sua contribuição com a geração de um superávit primário para que sejam honrados os compromissos internacionais do país.

Por fim, neste Primeiro de Janeiro desejo que você trabalhe menos em 2016. Que todos possam trabalhar menos, sem redução de salário.
Não, não estou defendendo o saudável direito ao ócio criativo – o que seria uma espécie de autocrítica deste workaholic que trabalha 24 por 7 e está escrevendo um texto enquanto outros descansam. Prefiro algo mais palpável, como a redução da jornada de trabalho semanal de 44 para 40 horas.
A última redução ocorreu há 25 anos, na Constituição de 1988, quando caiu de 48 para 44 horas semanais. Aos catastrofistas de plantão: saibam que o Dieese (novamente ele) calculou que uma jornada de 40 horas com manutenção de salário aumentaria os custos de produção em apenas 1,99%. O aumento na qualidade de vida do trabalhador, por outro lado, seria muito maior: mais tempo com a família, mais tempo para o lazer e o descanso, mais tempo para formação pessoal. Há uma proposta de emenda constitucional que propõe essa mudança e também aumenta de 50% para 75% o valor a ser acrescido na remuneração das horas extras. Ou seja, quer o empregado trabalhando mais? Que se pague bem por isso. Outros vão dizer que boa parte das empresas já opera com o chamado oito horas por dia, cinco dias por semana. Mas não todas. Principalmente em atividades rurais.
Pois é difícil celebrar o Ano Novo quando não se tem tempo para isso.
Muito menos dinheiro.

Açailândia e a IMAGEM DO DIA: Explica essa Juscelino!!!

Anunciada com estardalhaço pela assessoria do prefeito em exercício Juscelino Oliveira, a entrevista que será concedida hoje (30) ao vivo na Rádio Marcone deveria servir para o gestor explicar as imagens abaixo que mostram o verdadeiro Caos da Saúde Pública de Açailândia, testemunhado por Conselheiros e denunciado ao Ministério Público. Matéria completa clique no Link!!!







quinta-feira, 24 de dezembro de 2015

Presente de Grego: Juscelino Oliveira vai dar de presente um “Natal Sem Água” para população da Vila Ildemar.



Açailândia - Um verdadeiro presente de Grego é o que recebe as famílias da Vila Ildemar na data em que ceiam o Natal, das mãos do prefeito em exercício, o “Comunista” Juscelino Oliveira – um Natal Sem Água – há mais de 48 horas sem uma gota d’água nas torneiras as famílias começam a entrar em desespero pela possibilidade de se passar muito mais dias sem o líquido precioso.

Receba esse presente Vila Ildemar...
Em mais um sinal de pura incompetência em planejar ações de políticas públicas em benefício da sociedade, o prefeito em exercício Juscelino Oliveira deixou de cumprir desde que assumiu o comando do Município um acordo firmado junto a Cemar para pagamento de dívidas acumuladas ainda deixadas pela administração Ildemar Gonçalves – não deu outra, a operadora de energia elétrica cortou fornecimento de todos os poços administrados pelo SAAE, localizados na Vila Ildemar, atingindo todos os outros bairros adjacentes, prejudicando cerca de um terço da população açailandense.

Todas essas comunidades poderão passar o feriado de natal e até de ano novo sem água. Enquanto isso a assessoria do prefeito espalha nas redes sociais que ações estão sendo ajuizadas para obrigar a Cemar a fazer as religações, mas estariam tendo dificuldades de encontrar o juiz da comarca, em virtude do recesso forense – outra mentira que merece um safanão no pé do ouvido, haja vista que, desde o início do recesso forense que foi divulgado os juízes plantonistas para esse período, inclusive com cópias para OAB.

Por outro lado essas ações jurídicas não justificam, pois outras medidas já poderiam ter sido tomadas, como o pagamento das parcelas negociadas, mesmo porque, o prefeito Juscelino foi notificado com muita antecedência dos débitos e da possibilidade do corte do fornecimento de energia dos poços.

Isso é falta clara de planejamento na gestão da coisa pública – pura incompetência do gestor.


Simples assim!!!

quarta-feira, 23 de dezembro de 2015

Concurso INSS 2016: Saiu edital para nível médio e superior! 950 vagas e até R$ 8 mil!

A espera finalmente chegou ao fim! Como um presente de natal para os milhares de concurseiros/as, foi enfim publicado no Diário Oficial da União desta quarta-feira, dia 23 de dezembro, o edital de abertura do concurso público mais aguardado dos últimos tempos, o do Instituto Nacional do Seguro Social (Concurso INSS 2016). 

A oferta total é de 950 vagas, há reservada para negros e para candidatos com deficiência. O certame formará ainda cadastro de reserva, que deverá ser utilizado durante o prazo de validade do certame, que é um ano, podendo dobrar (veja abaixo o quadro de vagas por estado. 

Professor denuncia possível fraude no concurso para professor do Estado

tsAppCompartilhar
O professor Julio Sales, do Preparatório Provões e Concursos, gravou um vídeo ontem (22) denunciando suposta fraude no concurso para professor do Estado do Maranhão.
Ele diz que realizou o exame no colégio Pio XII, em São Luís, mas denuncia ter percebido, antes do início do certame, que o envelope com as provas já estava aberto.
Após protestar, a fiscal da sala aceitou consignar a reclamação em ata. Mas qual não foi a surpresa do professor ao chegar à sala da direção da escola e perceber que no local havia duas uma pilha de provas fora do envelope.
“Esse concurso não seguiu os protocolos de segurança que transmitem a tranquilidade aos candidatos, que garantem a lisura. Há fortes indícios de fraude e nós não podemos compactuar com isso”, afirmou.
Veja no vídeo a íntegra da denúncia.

terça-feira, 22 de dezembro de 2015

Divulgado gabarito de provas do concurso para professor do Estado


A Fundação Sousândrade divulgou ontem (21) um gabarito preliminar das provas do concurso para professor do Estado do Maranhão.
Os dados estão disponíveis no site da entidade organizadora do certame e pode seracessados aqui.
No total, cerca de 75 mil pessoas se inscreveram para o concurso, mas 18 mil (que concorrem para vagas de professor de Educação Física, de Matemática e de Química) terão que refazer as provas (reveja).

segunda-feira, 21 de dezembro de 2015

Juscelino Oliveira e um governo de mentiras, perseguições e uma incompetência sem limites.


Quem não conhece essa expressão: “Siô, Eu não fiz nada não, sou inocente e menor de idade” – essa é célebre frase usada pelos “malas” autores de pequenos delitos, como arrombamentos e roubos de celulares, no momento da prisão –o resultado da negação é um safanão no pé dou ouvido – é claro que não tenho como provar o tal safanão, mas todo mundo conhece essa história.

Você deve estar se perguntando o porquê de ter iniciado esse pequeno artigo relatando tais fatos? 

Eu explico!!!

É como comparo esse governo tampão e desastroso protagonizado por Juscelino Oliveira e seus assessores – deveriam levar um safanão no pé do ouvido, toda vez que inventam uma mentira para tentar esconder suas incompetências.

Pra justificar o caos na saúde, logo de início inventaram um tal de sumiço de ambulância, simplesmente para desviar o foco de ter colocado no cargo um bioquímico sem a mínima experiência administrativa no comando da pasta mais importante de qualquer gestão pública municipal – há princípio até funcionou, no entanto, logo vieram à tona o resultado do descaso da saúde pública municipal – gente morrendo, falta de ambulância, falta de medicamentos e o atendimento a cada dia mais precário – e mais uma mentira que merecia um safanão no pé do ouvido, foi jogado goela à abaixo da população.

Por último, como não se planejou, características mais uma vez de quem não tem a mínima competência para gerir recursos públicos, Juscelino tenta maquiar uma suposta antecipação de pagamento do décimo terceiro do servidor público. O que se viu foram descontos e mais descontos na conta do servidor, e, os adversários políticos não viram nem a cor do merecido e conquistado dinheirinho.

Pra completar, como é de costume, seus assessores espalharam mais uma daquelas mentiras merecedoras de uma tapa no pé dou ouvido – inventaram que Gleide não pagou a primeira parcela do décimo, mas “oras pois”, a data em que se prevê o pagamento da primeira parcela não era Juscelino Oliveira no comando do Município? A mentira é tão deslavada e o contrário do que afirma seus assessores e o próprio prefeito é que Gleide pagou sim 50% do décimo terceiro dos professores da rede municipal de ensino, dias antes de ser afastada e já se programava para pagar os mesmos 50% aos demais servidores – não teve tempo de cumprir com o programado.

Merecem ou não merecem um safanão no pé do ouvido?


Simples assim!!!

18 mil terão que refazer provas do concurso de professor do Estado

Após os problemas registrados na Facam, durante a realização do concurso para professor do Estado (reveja), a Fundação Sousândrade, contratada pelo Governo do Maranhão, para a realização do certame, informou hoje (20) que reaplicará as provas para 18 mil candidatos.
Todos eles concorrem para as áreas de Educação Física, Matemática e Química.
A medida foi tomada para garantir a isonomia do certame.
Ocorre que na Facam, 2.385 candidatos fariam provas para essas três áreas. Como nenhum destes conseguiu prestar o exame, todos os demais candidatos (em total de 18.926) serão convocados para uma nova prova.
Veja abaixo nota da Fundação Sousândrade sobre o caso.
A respeito do concurso público para preenchimento de 1.500 vagas de professores da rede estadual de ensino, realizado neste domingo (20), a Fundação Sousândrade, contratada pelo Governo do Maranhão, para a realização do certame, esclarece que:
1. As provas do concurso público foram realizadas em 213 locais, em São Luís e mais oito municípios, em ambiente de plena normalidade. Houve apenas incidente num dos locais de provas, fato isolado que não compromete a lisura do certame.
2. Em face de problema técnico que provocou corte no fornecimento de energia elétrica nas dependências da Faculdade do Maranhão (FACAM), faculdade particular, no bairro Bequimão, contratada pela Fundação Sousândrade, as provas do concurso público para Professor do Quadro da Secretaria de Estado da Educação (SEDUC) que seriam realizadas nesta unidade, foram suspensas.
3. Neste local, seriam aplicadas as provas para 2.385 candidatos, que concorrem para as áreas de Educação Física, Matemática e Química. O número total de candidatos inscritos para estas opções é de 18.926, em todo o Estado.
4. Os candidatos que fariam a prova na FACAM e os demais concorrentes das mesmas áreas terão seus direitos garantidos e a Fundação Sousândrade reaplicará as provas para os 18.926 candidatos inscritos para estas áreas (Educação Física, Matemática e Química), logo em janeiro de 2016.
5. O calendário do concurso para os 64.542 candidatos inscritos nas demais opções segue normalmente, conforme cronograma.
São Luís, 20 de dezembro de 2015.
Emilio Ramos
Fundação Sousândrade
Gerência de Concursos

CLIMA DE GUERRA! Índios fazem madeireiros reféns em Zé Doca; populares armam resgate

  Índios Awá-Guajá fizeram vários madeireiros reféns, hoje (20), no povoado Conquista, em Zé Doca.
Os reféns estão sendo torturados, segundo contam familiares.
Na cidade há um grupo de populares está se organizando para invadir a reserva onde os madeireiros foram presos e resgatá-los.
Há temor de que o clima de guerra acabe em tragédia.

PREPARE O BOLSO! Saiu a tabela de pagamento do IPVA 2016

A Secretaria de Estado da Fazenda lançou os valores do Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) do exercício de 2016 e divulgou o calendário de pagamento do tributo, conforme a Portaria 562/15.

O pagamento do imposto poderá ser feito em cota única ou parcelado em até três vezes. O contribuinte que optar pelo pagamento antecipado, em conta única, até 11 de fevereiro de 2016, terá 10% de desconto no valor do IPVA, de acordo com a Portaria.
Os proprietários de veículos que optarem pelo parcelamento do IPVA 2016 realizarão o pagamento da primeira cota de acordo com o final da placa dos veículos.
Para fazer o pagamento parcelado, o proprietário deve observar o calendário com o prazo para quitação de cada parcela. Se o prazo para pagamento da primeira parcela for descumprido, o pagamento do IPVA só poderá ser realizado em quota única.
A consulta dos valores por modelo de veículo poderá ser feita a partir de janeiro de 2016 no portal da Sefaz na internet (aqui), clicando no banner “IPVA” do portal e também no site do Detran, no ícone “Licenciamento Anual”.

sexta-feira, 18 de dezembro de 2015

Com novas regras, STF sepultou impeachment contra Dilma…

Presidente praticamente assegurou vitória no processo ao garantir que o Senado tenha poderes para barrar a investigação iniciada na Câmara


Além de garantir apoio de Renan, Dilma conseguiu isolar Michel Temer no PMDB
Além de garantir apoio de Renan, Dilma conseguiu isolar Michel Temer no PMDB
O processo de impeachment da presidente Dilma Roussef (PT) morreu no nascedouro com a votação do Supremo Tribunal Federal, nesta quinta-feira, 17.
Coma s regras estabelecidas pelos ministros, ainda que a Câmara retome o processo, refazendo todo o rito iniciado em 8 de dezembro, Dilma ganhou um trunfo a mais do STF: a garantia de o Senado barrar a investigação aberta na Câmara.
A petista tem hoje no presidente do Senado, Renan Calheiros, seu principal aliado no PMDB.
E Calheiros assumiu publicamente a guerra contra o presidente da Câmara, Eduardo Cunha, e contra o vice-presidente Michel Temer.
Resta saber que preço Dilma pagará por este apoio…

quarta-feira, 16 de dezembro de 2015

Microcefalia não tem relação com vacina de rubéola; veja boatos

Boatos sobre zika vírus e microcefalia estão circulando no país. Mensagem falsa diz que zika causa lesão neurológica em idosos e crianças.


Boatos que circulam nas redes sociais e no WhatsApp têm espalhado informações equivocadas sobre o zika vírus e sobre a microcefalia no Brasil. No final de novembro, o Ministério da Saúde confirmou a existência de uma relação entre infecções pelo recém-chegado zika vírus e o aumento de casos de microcefalia no país. 

Veja quais são esses boatos e entenda por que essas informações são falsas:

Vacina de rubéola

Um dos boatos mais difundidos na internet sobre microcefalia é o de que a doença estaria sendo causada por um lote vencido de vacina contra rubéola que teria sido aplicado em gestantes no Nordeste.

Em primeiro lugar, a vacina contra rubéola é contraindicada a gestantes. “A vacina de rubéola nunca é usada na gravidez, por isso não tem como ter uma associação como essa”, diz o médico Renato Kfouri, vice-presidente da Sociedade Brasileira de Imunizações (SBIm).
A indicação da vacina contra rubéola - que aparece na forma de tríplice viral (que também protege contra caxumba e sarampo) ou quádrupla viral (que, além dessas doenças, protege contra catapora) - é para crianças, que tomam a primeira dose aos 12 meses e a segunda aos 15 meses. Adolescentes e adultos não-vacinados também devem tomar duas doses.
Em segundo lugar, as vacinas oferecidas pelos serviços públicos de saúde são seguras. “A utilização de vacinas ou medicamentos vencidos é crime. Qualquer serviço de saúde que acondicione produtos vencidos recebe autuações muito graves. Não faz nenhum sentido que órgãos públicos utilizem vacinas vencidas, isso não existe”, esclarece Kfouri.
Por último, mesmo o uso de uma vacina vencida não teria a capacidade de provocar danos neurológicos. “Teoricamente, o que acontece com o passar do tempo, tanto com vacinas mal conservadas quanto com vacinas vencidas é que elas perdem a capacidade de desenvolver proteção contra doenças”, diz o especialista.
A difusão do boato fez o Ministério da Saúde divulgar uma nota de esclarecimento sobre o assunto: “O Ministério da Saúde esclarece que todas as vacinas ofertadas pelo Programa Nacional de Imunização (PNI) são seguras e não há nenhuma evidência de que possam causar microcefalia. As vacinas são fundamentais para proteger o bebê contra doenças graves. Nenhuma das vacinas administradas durante a gestação contém vírus ou outros agentes vivos.”
Danos neurológicos a crianças e idosos
Outro boato, este divulgado principalmente por mensagens de WhatsApp, diz que o zika provoca danos neurológicos em crianças de até 7 anos e em idosos. A informação também é falsa foi desmentida por especialistas da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e do Ministério da Saúde.
“Não existe nenhuma evidência científica que possa correlacionar o vírus zika com o comprometimento nervoso em crianças menores de 7 anos e em idosos”, afirmou o vice-presidente de Pesquisa e Laboratórios de Referência da Fiocruz, Rodrigo Stabeli.
Mosquitos transgênicos
Há também o boato que afirma que o zika vírus se espalhou no Brasil depois da soltura de mosquitos transgênicos no país, que teriam passado a transmitir zika e chikungunya. Assim como os outros boatos, essa história também não faz sentido.

Mosquito Aedes aegypti macho fabricado pela Oxitec, unidade criada em Campinas, interior de São Paulo (Foto: Eduardo Carvalho/G1)Mosquito Aedes aegypti geneticamente modificado fabricado pela Oxitec, unidade criada em Campinas, interior de São Paulo (Foto: Eduardo Carvalho/G1)
Mosquitos Aedes aegypti geneticamente modificados ou com bactéria que previne a transmissão de doenças têm sido soltos em vários pontos do Brasil dentro de projetos de pesquisa. Mas, ao contrário de espalhar novas doenças, eles atuam justamente para combater os vírus transmitidos pelos mosquitos.
No caso dos mosquitos transgênicos, eles são modificados geneticamente para morrerem antes da fase adulta, reduzindo a população total de mosquitos na região onde são soltos. Já os mosquitos com a bactéria Wolbachia tornam-se incapazes de transmitir a dengue e outros vírus.

Saiba onde achar ( e baixar) a prestação de contas do seu município no site do TCE-MA

Mais um caso bem sucedido de transparência ativa no Maranhão

Site do TCE-MA
Por Welliton Resende*

Um dos maiores "segredos" da humanidade é a prestação de contas das prefeituras. Por que será que os prefeitos omitem tanto as PC's da população?

Para começar a desvendar este "mistério" informo aos digníssimos leitores que toda despesa executada pela prefeitura deve conter documentos que comprovem a sua aplicação, exigência prevista na Lei nº 4.320/64.

Desse modo, de uma simples seringa até a compra da merenda escolar deve ter comprovação com documentos. E que documentos são esses? Notas fiscais, notas de empenho, ordens de pagamento, folhas de pagamento, extratos bancários e processos licitatórios.

Assim as despesas realizadas pelos gestores devem ser enviadas ao Tribunal de Contas do Estado  no mês de abril. Ou seja, com a comprovação de onde foram aplicados todos recursos da prefeitura no ano anterior.

Nos últimos anos, o TCE vem recebendo a prestação de contas digitalizada dos municípios e do ano passado para cá começou a disponibilizar uma cópia no seu site para download.

O acesso é bastante simples e a documentação de tudo o que foi gasto até 2014 encontra-se acessível a apenas um clique.

Vamos lá gente, procurar as PC'S das suas cidades e exigir dos gestores públicos a correta aplicação do dinheiro público. Sabe como se chama isso? Cidadania ativa.


Resende é auditor da CGU, ex-auditor do TCE-MA e coordenador do Núcleo de Ação de Ouvidoria e Prevenção à Corrupção da CGU-Regional/MA

terça-feira, 15 de dezembro de 2015

PF faz buscas nas casas de Cunha no RJ e no DF

A Polícia Federal cumpriu na manhã desta terça-feira (15) mandado de busca e apreensão na residência oficial do presidente da Câmara, deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), em Brasília. A PF também cumpriu mandados em endereços do peemedebista no Rio de Janeiro. A ação, batizada de Catilinárias, faz parte das investigações da Operação Lava Jato.
Ao menos 12 policiais e três viaturas foram deslocados para a casa de Cunha em Brasília, que fica na Península dos Ministros.

Também são alvos de mandados de busca e apreensão o deputado federal Aníbal Gomes (PMDB-CE) e o senador Edison Lobão (PMDB-MA), também investigados pelo Ministério Público Federal.
A busca na residência de Cunha foi autorizada pelo ministro Teori Zavascki, do Supremo Tribunal Federal (STF), a pedido do procurador-geral da República, Rodrigo Janot. O objetivo da operação é coletar provas nos inquéritos que apuram se o presidente da Câmara cometeu os crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

Cunha já foi denunciado pela Procuradoria Geral da República ao STF por corrupção e lavagem de dinheiro, devido à suspeita de ter recebido pelo menos US$ 5 milhões por contratos de aluguel de navios-sonda pela Petrobras. O Supremo ainda não decidiu se aceita ou não a denúncia.

segunda-feira, 14 de dezembro de 2015

Associação Gávea realiza mais uma linda festa de confraternização









A tradicional festa de confraternização reuniu centenas de peladeiros e seus familiares que ao longo do ano de 2015 conviveram em grande harmonia com a realização da também tradicional “peladas de domingo” e a famosa resenha, onde são discutidos cada lance da partida disputada.

A Associação Gávea Futebol Clube é uma entidade informal, sem fins lucrativos, que ao longo dos últimos seis anos tem reunido amigos e familiares para além das peladas de domingo, também a realização de um belíssimo trabalho social em favor das famílias mais carentes de Açailândia.

Esse ano, no dia das crianças foi distribuído centenas de brinquedos arrecadados junto aos próprios associados e simpatizantes, e, foi possível realizar o sonho daqueles que às vezes nem ao menos se lembram desta data tão importante para as crianças em desenvolvimento – a próxima missão é arrecadar o maior número de cestas básicas para presentear as famílias carentes de Açailândia neste natal.


A Confraternização da Gávea, este ano, foi realizada no Bora-Bora, onde foi servido um belo almoço, muito churrasco, música ao vivo, torneio de futebol societe, piscina para crianças e adultos e muita cerveja gelada, além do sorteio de brindes entre os associados.