quarta-feira, 27 de janeiro de 2016

ELEIÇÕES 2016: Renovação à vista em Timon… Se eleitor quiser, em Açailândia pode acontecer o mesmo!!!

Deputado Alexandre Almeida lidera pesquisa de intenção de votos, derrotando famílias Leitoa e Waquim, que há anos polarizam o poder no município.  Em Açailândia os candidatos sempre foram os mesmos, mas para eleições deste ano muitas novas caras surgiram. Será que chegou o momento da renovação!


O deputado Alexandre Almeida (PSD) lidera com 39,25% a disputa pela Prefeitura de Timon, à frente do prefeito Luciano leitoa (PSB) e da ex-prefeita Socorro Waquim (PMDB). A ascensão de Almeida mostra que a população timonense cansou da eterna disputa entre os Leitoa e os Waquim, batalha que não apresentou qualquer resultado efetivo para a cidade.
Na disputa direta com Luciano Leitoa, Alexandre Almeida chega a 50,50% das intenções de votos, contra 34,25% do prefeito.
Em Açailândia novas caras estão surgindo, no entanto, as primeiras reações são as do continuísmos, ou seja, os candidatos são sempre os mesmos, simplesmente se revezam no poder.
Será que assim como em Timon, o eleitor de Açailândia também poderá mudar e a partir para a renovação política do Município?
Ainda está difícil de acreditar!!!

terça-feira, 26 de janeiro de 2016

O Cenário Político de Açailândia para as Eleições 2016, sob a ótica do Jornalista Maycon Sousa

Juscelino Oliveira


Atual prefeito do município, está filiado ao PCdoB, partido do Governador Flávio Dino. O presidente da sigla no Estado, Márcio Jerry afirma que o PCdoB estar pronto para disputar eleições majoritárias em mais de cem cidades. Açailândia não fugirá a regra, Juscelino Oliveira e seu grupo já se prepara para concorrer a reeleição. 

Atualmente o gestor que é ficha limpa conta com popularidade, os problemas acumulados nos últimos três anos da ex-gestão não reflete necessariamente em sua pessoa devido o pouco tempo em que se encontra no comando da administração (seis meses). 

Tido antes apenas como um vice-decorativo, Juscelino Oliveira em pouco tempo tem se articulado para conquistar recursos e benefícios para a cidade, por exemplo, a UPA abandonada nos últimos anos e que deve ser entregue no inicio de fevereiro.  Juscelino Oliveira pode fazer valer a máxima "não se meche em time que está ganhando". 

Ildemar Gonçalves

Este não é um adversário a ser batido facilmente, Ildemar Gonçalves, do PSDB, atualmente surfa em popularidade devido aos problemas acumulados nos últimos anos da ex-gestão. Antes que a ex-prefeita Gleide Santos fosse cassada, o povo alimentava o sentimento de que a aposta na mudança não havia sido uma escolha acertada. 

Em 2012 concluindo seu segundo mandato, Ildemar não podia se candidatar, mas fez de seu escolhido, Elson Santos, um candidato forte alcançando 22.113 votos, ou seja 39,51% dos votos válidos, contra Gleide Santos que a época chegava a liderar pesquisas de intenções de votos com até 56%. 

Agora Ildemar pode ser novamente candidato, e não esconde o desejo dos amigos mais próximos e familiares. "Se o cenário estiver favorável eu irei", é o que os correligionários tem ouvido na Bola 07. Correligionários afirmam que o grupo que o seguiu em 2012 não estar esfacelado, bastando apenas um aceno. Ildemar fez demonstração do seu prestigio durante filiação de Lúcio Flávio em Itinga, quando levou várias autoridades do PSDB, inclusive o vice-governador Carlos Brandão para o evento. Alguns problemas com contas de gestão não deve ser empecilho para sua possível candidatura. 

Benjamin Oliveira

Não é possível até o momento analisar o quanto o médico Benjamin Oliveira - ficha limpa- pode ser forte, isto porque até então o mesmo não possui em seu "curriculum" uma campanha - nunca foi candidato. Em 2012 ensaiou candidatura a prefeito, mas antes que a campanha ganhasse ruas se uniu ao ex-prefeito Ildemar Gonçalves. 

Agora tem dito aos correligionários e lideranças do seu rol politico que será candidato. Ele é filiado ao PRB, no fim do ano de 2015 especulou-se que deixaria a sigla para se filiar ao PSB, do Senador Roberto Rocha, mas por algum motivo não migrou. 

Nos bastidores é oficial de que Benjamin sendo candidato, o Pastor José Alves Cavalcante, suplente de Deputado, será seu vice. Desde 2013 que ambos são aliados, Benjamin já participou até de eventos da Igreja a qual Cavalcante é presidente, com direito a fotos. A quem aposte no recuo de Benjamin caso Ildemar seja de fato candidato, correligionários do médico, porém dizem que 2012 não se repetirá. A seu favor Benjamin possui o sentimento de que é preciso "renovação" na politica.

Professor Milton

Filiado ao PSOL, Professor Milton - ficha limpa- tem em seu curriculum politico uma marca histórica, em 2012 alcançou uma votação até então nunca obtida por um candidato do partido. Em meio a uma briga de "gigantes" ao fim do combate, Professor Milton sagrou-se com 4.685 votos, ou seja, 8,69% dos válidos. Milton faz o estilo corpo a corpo e segue rigidamente o histórico do PSOL, se mantém longe de grandes estruturas e faz alianças seletivas. Seus votos se mantiveram, em levantamentos nas redes sociais seu nome é apontado de forma espontânea. Mesmo aconselhado a ser candidato a vereador, onde teria vaga garantida, Milton é candidato a prefeito. 

Vanderlei Trombela

A grande surpresa no cenário é o empresário Vanderlei Trombela - ficha limpa, ex-presidente da Associação Comercial de Açailândia - Acia, Trombela tem sido o nome aclamado em meio a classe empresarial do município. Eles apostam na capacidade de Vanderlei em gerenciar crises e fomentar o desenvolvimento, dentre outras áreas, da economia. 

O forte grupo de empresários que se formou em torno do seu nome aposta entre outras coisas na sua personalidade, descrita como sendo de alguém com bom caráter e compromisso. Vanderlei está filiado ao Partido Social Democrático - PSD, além de empresário é formado em administração e defende o fim da reeleição para cargos.

Jardel Bom Jardim

O Empresário Jardel Bom Jardim - ficha limpa - é filho de Açailândia, sua família - Bom Jardim, é pioneira na cidade. 

Ele está filiado ao PHS e é o nome do partido para disputar as eleições 2016 com os demais candidatos a prefeito. Não é possível medir seu potencial eleitoral já que o jovem até então não participou de eleições.

Wilton Lima

O Comunicador Wilton Lima - ficha limpa- também é pré-candidato a prefeito de Açailândia. Ele estar filiado ao PMDB, que tem como pré-candidatos também Zetinha Sampaio. 
Wilton Lima tem pós em gestão pública pela UEMA, faz pós em assessoria de Comunicação na Ufma, e é servidor de carreira com mais de 15 anos de serviço. 

Se escolhido como candidato do PMDB, Wilton Lima, abre mão de uma vaga de vereador na Câmara Municipal. Ele seria o nome a representar o partido que tem como vice-presidente a ex-prefeita Gleide Santos. 
Nota do Blog

Estes são os nomes que se preparam oficialmente para a corrida eleitoral de 2016. O restante é parte apenas de pura especulação, no fim apenas os sete acima, caso não ocorra recuos, irão de fato para o jogo. 

Em breve o Blog realizará o levantamento dos nomes que podem ser a renovação da Câmara Municipal de Açailândia. Aguardem!

segunda-feira, 25 de janeiro de 2016

Lista do TCE com municípios aptos a convênios ignora critérios legais… Segundo especialistas Açailândia e vários outros Municípios estariam inaptos a realizar convênios com o Estado.

Por manter o site do Portal da Transparência desatualizado desde agosto do ano passado Açailândia pode esta inapta em manter convênios com o governo do Estado. Apenas sete dos 37 municípios aprovados pelo tribunal atendem a todos os pré-requisitos da legislação sobre transparência; e do total, 11 não têm a menor condição de estar na lista


seloO Tribunal de Contas do Estado divulgou semana passada uma lista com 37 municípios que, segundo os seus critérios, estariam aptos a firmar convênios e receber repasses do Governo do Estado.
E foi o próprio presidente do TCE, conselheiro Jorge Pavão, quem estabeleceu a transparência como principal fator de análise. (Leia aqui)
Ocorre que estudo realizado por especialistas, a pedido do blog, mostrou que dos 37 “aprovados” pelo TCE apenas sete atendem todos os requisitos exigidos pela legislação, no que se refere à transparência.
São eles: Lagoa do Mato, Lagoa Grande do Maranhão, Matões do Norte, São João do Sóter, São Luís, São Roberto e Vargem Grande. (veja tabela abaixo)
lista
Outros 11 municípios deveriam sequer estar na lista. Alguns, como Imperatriz Caxias, Timon e Balsas nunca atualizaram seus portais.
dadosO de Paraibano ainda tem outro erro: o site usa a extensão “pontocom”, o que é proibido.
Além destes, também deveriam ser desclassificados os municípios de Boa Vista do Gururpi, Cantanhede, Davinópolis, Peri Mirim, São Benedito do Rio Preto e São Francisco do Brejão.
Dos 37 aprovados pelo TCE, 19 só devem ter entrado na lista pela boa vontade dos conselheiros, já que não atendem a todos os requisitos exigidos.
A tabela acima, publicada com exclusividade pelo blog, mostra a situação de cada um dos 37 municípios aprovados pelo tribunal…

sexta-feira, 22 de janeiro de 2016

Deputado vai ao MP após denúncias sobre concurso de professor do MA


O vice-presidente da Comissão de Educação da Assembleia Legislativa do Maranhão, deputado Wellington do Curso (PPS), protocolou ofício no Ministério Público Estadual (MP), na tarde de ontem, solicitando informações quanto às medidas adotadas pela Promotoria de Educação a respeito das denúncias de possíveis irregularidades apontadas por candidatos no concurso público para professor da rede estadual de Educação, realizado pela Fundação Sousândrade.
Ao protocolar o ofício, o parlamentar ressaltou as inúmeras reclamações e denúncias recebidas de candidatos. Dentre elas, destacam-se os casos de questões plagiadas de outro concurso; casos de envelopes de provas abertos antes do início do certame, a exemplo do que aconteceu na Escola Pio XII. Há também, segundo o parlamentar, reclamações quanto à credibilidade do gabarito oficial das provas.
Ele lembrou que a Fundação Sousândrade divulgou um primeiro gabarito no dia 14 deste mês e em seguida, no dia 18, outro gabarito foi publicado.
"Desde o dia 20 de dezembro de 2015, inúmeros professores nos procuraram com reclamações referentes ao concurso para professor do Estado. As reclamações vão desde o plágio de mais de 10 questões no concurso, passando pelo absurdo que é a abertura de envelopes de provas antes de chegarem à sala da aplicação da avaliação em si, chegando à incerteza do que seria o gabarito oficial, já que dois gabaritos 'oficiais' foram publicados. Segundo os professores, nem todas as questões plagiadas foram anuladas. Além disso, fomos notificados de que em São Luís, por exemplo, o pacote de provas chegou aberto ao local em que seria aplicado, o que fez com que alguns candidatos da Escola Pio XII, no bairro Vila Palmeira, fossem até à delegacia registrar ocorrência. Como se tais fatos não fossem o suficiente, há ainda a incerteza que caracterizou o gabarito que seria oficial, já que, no dia 14 de janeiro, publicou-se determinado gabarito com uma lista de convocados à apresentação de títulos e já no dia 18 do mesmo mês, publicou-se um outro gabarito com uma outra lista, evidenciando a incerteza naquilo que deveria ser oficial", relatou.
O deputado justificou, ainda, que protocolou o ofício com o objetivo de obter informações sobre as providências que foram tomadas pelo Ministério Público Estadual.
Fonte: Gilberto Leda.

quarta-feira, 20 de janeiro de 2016

Justiça Eleitoral vai bater forte na fiscalização e combate ao caixa 2 nas eleições de 2016

serejoO presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão (TRE-MA), desembargador Lourival Serejo, afirmou ontem (19), em entrevista a O Estado, que a grande missão da Justiça Eleitoral nas eleições de 2016 será o combate ao caixa 2.
Com a aprovação das novas regras para o pleito, que já começam a valer na eleição para prefeitos e vereadores, houve drástica redução do limite de gastos por candidato, o que deve impactar diretamente nas campanhas.
Para Serejo, em alguns casos só um “milagre” permitirá que os postulantes a cargos eletivos consigam fazer campanha de fato com o valor permitido em lei.
“Vimos recentemente a relação com os limites de gastos. Municípios com R$ 200 mil, R$ 150 mil, R$ 100 mil [de limite para campanhas de prefeitos]. A gente sabe que é impossível um candidato a prefeito fazer uma campanha com R$ 200 mil. E aí, como vai ocorrer o milagre?”, questionou.
O magistrado destaca que além dos TREs, vários outros órgãos estão empenhados em garantir a lisura dos pleitos nos municípios. “A OAB vai fazer uma grande campanha contra o caixa 2”, declarou.
Ele cita também ações e parcerias com o Ministério Público Eleitoral (MPE) – no caso das eleições deste ano esse papel é assumido pelos próprios promotores nos municípios -, com o Tribunal de Contas da União (TCU) e com a Controladoria-Geral da União (CGU).
“Ter uma fiscalização eficiente é muito difícil. Nesse aspecto o Ministério Público Eleitoral é um parceiro grande”, comentou.
Redução
Levantamento de O Estado divulgado na edição do último domingo, 17, mostrou que alguns municípios do Maranhão, levando-se em consideração a instrução normativa criada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com cálculo sobre os gastos, o teto vai de 50% a 70% em relação ao maior valor gasto nas eleições municipais de 2012.
Na capital, o montante apresentado no site do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Maranhão corresponde apenas a 50% do valor mais elevado declarado pleito de 2012.
A redução é considerável nos maiores colégios eleitorais. Em São Luís, por exemplo, o valor máximo que poderá ser investido pelos candidatos a prefeito corresponde a metade do maior valor declarado na última eleição municipal.
Em 2012, o maior gasto de campanha na capital foi de R$ 4.697.991,79. Este ano, contudo, o limite especificado para candidato a prefeito da capital é de R$ 2.348.995,90.
Para vereador, o gasto limite em 2016 é de R$ 330.878,32. O valor corresponde a 70% do maior valor gasto em 2012: R$ 472.683,32.
Imperatriz – Na cidade de Imperatriz, segundo maior colégio eleitoral do estado, o limite de gastos para candidatos a prefeito e a vereador corresponde a 70% dos maiores valores gastos, para cada, em 2012.
Candidatos ao Executivo poderão gastar até R$ 1.013.180,22. No último pleito, o maior valor gasto foi de R$ 1.447.400,32. Para o legislativo, o teto para as eleições deste ano é de R$ 109.062,42. Em 2012 o maior valor declarado foi de R$ 155.803,43.
Açailândia - Em Açailândia candidatos a prefeito ficaram no teto de pouco mais de 200 mil reais. Para o Legislativo o custo máximo ficou na casa de pouco mais de 50 mil reais.

Sai a lista de novos nomeados para PMMA

A Polícia Militar do Maranhão divulgou hoje (20) um comunicado convocando os militares formados na segunda turma de 2015 a se apresentar nos seus pólos até a próxima sexta-feria (22).
Os PMs foram nomeados na sexta-feira passada (15), de acordo com publicação no Diário Oficial.
São 1008 novos PMs (agora sim!) incorporados aos quadros da Polícia Militar.

terça-feira, 19 de janeiro de 2016

IMAGENS DO DIA: Tá estressado, vai pescar...

Cansado de esperar pelo prefeito em exercício Juscelino Oliveira, morador do Distrito Industrial de Pequiá, resolve pescar sozinho em uma das lagoas formadas nas ruas daquela comunidade...




ESCÂNDALO!!! Farra de diárias com dinheiro público na prefeitura de Açailândia. Um dos principais beneficiados é o sobrinho do atual prefeito.


Na tentativa de coibir abusos com diárias de viagens em prefeituras e câmaras municipais, o Ministério Público Estadual (MPE) do Estado de Minas Gerais abriu uma série de investigações em todas as comarcas do Estado. A suspeita dos promotores de Justiça é que prefeitos e vereadores estão aumentando os salários utilizando recursos das viagens.
No Maranhão essa prática é muito comum, e ainda não se observou nenhuma ação por parte do Ministério Público para coibir as farras praticadas nos Municípios maranhenses. O TCE/MA – Tribunal de Contas do Estado do Maranhão tem reprovado cerca de 90% das contas de presidente de câmaras – na sua grande maioria é exatamente por conta das farras praticadas por vereadores.

Em Açailândia, a ex-presidente da câmara, vereadora Lenilda Costa (PMN) sofreu até ameaças de cassação por não conceder tais benefícios de forma irregular a vários vereadores da atual legislatura – o vereador Márcio Aníbal, vice-presidente da câmara, seria segundo o ex-deputado e esposo da ex-presidente Lenilda Costa, o campeão de diárias na legislatura que antecedeu a atual.

Pelas regras atuais, basta o político apresentar um relatório, de forma genérica, para justificar os deslocamentos e embolsar o dinheiro.

Nos últimos meses o que se viu na prefeitura de Açailândia foi uma verdadeira farra de diárias com o dinheiro público – pra piorar, usando da influência do parentesco, o sobrinho do prefeito em exercício Juscelino Oliveira, de alcunha "Lacraia", claro com o aval do tio, teria conseguido a aprovação de uma lei na câmara de Açailândia que autoriza diárias para servidores públicos em cargos de confiança que residam na capital do Estado – curiosamente o sobrinho do prefeito reside na capital - quase todos os finais de semana Fabrício é visto nas baladas e praias da capital do Estado, e, será quem custeia tudo isso?


Conforme o Portal da Transparência da prefeitura de Açailândia Fabrício Silva Ribeiro, sobrinho do prefeito em exercício Juscelino Oliveira, já recebeu dos cofres públicos entre os meses de agosto á novembro, mais de 5 mil reais (veja acima Portal da Transparência) -  com essa quantia dar pra comer muito caranguejo, camarão-pitú e ostentar muito OldParr, e , se tiver um tempinho, dar pra resolver muitos problemas do Município lá pras bandas da capital.

ATENÇÃO CANDIDATOS!!! Vejam o limite de gastos de campanha para prefeitos e vereadores nas eleições deste ano em Açailândia e outros Municípios


segunda-feira, 18 de janeiro de 2016

BOMBA!!! BOMBA!!! Prefeito pretendia torrar R$ 300 mil reais mensais com empresa Limpa-Fossa

Dou um docinho e um taco de queijo para quem descobrir qual o Município da Região Tocantina que parece estar se desmanchando em “M...”
Imagem Ilustrativa...

Parece brincadeira mais é verdade, um parente bem próximo de certo prefeito da Região Tocantina, teria usado da influência parental para fazer com que o Município contratasse uma empresa Limpa-Fossa pela bagatela de 300 mil reais mensais – e, isso caro leitor, gritem e esperneiem, seria para tirar a “M...” de apenas duas escolas do Município.

O exagero foi tão grande que gerou uma grande contenda, levando ao Procurador Geral do Município, a se negar em apor sua assinatura em tamanha loucura autorizando o pagamento do feito.

Um passarinho comunista me falou ao pé do ouvido, que a nota teria sido tirada do empenho, e o pagamento não foi efetuado, mas vale a pena os nobres vereadores e o Ministério Público investigar – eita que a farra tá é grande!!!


Fica a dica.

BOMBA!!! BOMBA!!! Companhia VALE nega ter feito qualquer tipo de doação de uniformes escolares para prefeitura de Açailândia

Juscelino teria usado o nome da VALE como justificativa para confeccionar a um suposto custo zero todo o fardamento escolar da Rede Pública de Ensino de Açailândia na cidade de Itinga do Maranhão.

Juscelino Oliveira, um governo de mentiras...
Denunciado por este blog em “post” anterior (clique e releia) de que o prefeito em exercício Juscelino Oliveira por simples capricho mandou confeccionar em uma empresa de Itinga do Maranhão todo o fardamento escolar da Rede Pública de Ensino do Município de Açailândia – se fosse só o egocentrismo de Juscelino e o prejuízo causado as Malharias locais - passaria até despercebida mais uma ação dantesca do gestor público.

No entanto, além do prejuízo causado ao comércio local, pois Juscelino não deu a menor chance aos comerciantes locais de concorrerem a um processo licitatório legal, o gestor público estaria fazendo compra direta em uma empresa que em um passado bem recente teria feito doações de material para campanha de deputado estadual do agora prefeito em exercício de Açailândia – compra direta não justificada na lei 8666 (Lei das Licitações), portanto, caso Juscelino não retroceda após a denúncia do Blog, poderá ser responsabilizado juridicamente por crime de improbidade administrativa.

PEGA NA MENTIRA

Nos últimos meses se tornou prática deste blog desmascarar as mentiras aplicadas pelo atual gestor público – a mais nova, seria a justificativa dada às empresas de Malharia da cidade de Açailândia para a contratação de uma empresa de Itinga do Maranhão para confecção do fardamento escolar dos alunos da rede pública, ou seja, o fardamento sairia a custo zero, pois o financiamento do fardamento seria objeto de doação da Companhia VALE – como mentira tem pernas curtas, bastou publicarmos no blog, a Assessoria de Comunicação da Empresa entrou em contato com o blog wiltonlima.com e disse textualmente não haver nenhum tipo de parceria com a prefeitura de Açailândia no que concerne à confecção de fardamento escolar.


Panh!!! Mais uma mentira desmascarada.

Cabe agora o Ministério Público conferir...

Campanha menor favorece candidato mais conhecido, dizem especialistas

Duração da campanha será reduzida de 90 para 45 dias a partir de 2016.
G1 ouviu consultores sobre principais impactos das mudanças nas eleições.

Do G1, em Brasília
A redução do período de campanha eleitoral e a criação de um limite para os gastos dos candidatos a partir de 2016 devem favorecer os políticos que já são conhecidos pela população, de acordo com a opinião de especialistas ouvidos pelo G1.
Entre as mudanças nas regras que começam a valer neste ano, estão a redução de 90 para 45 dias na duração da campanha, além da diminuição de 45 para 35 dias do período de propaganda no rádio e na TV.
Também foi criado um limite para os gastos em campanha: será permitido gastar 70% do valor declarado pelo candidato que mais gastou no pleito anterior, se tiver ocorrido só um turno, e até 50% do gasto da eleição anterior se tiver havido dois turnos.
Com base em recente resolução do Tribunal Superior Eleitoral, o G1 fez um ranking das capitais que terão os maiores e menores limites para candidatos a prefeito e vereador.
Além dos tetos, um freio a mais para os gastos é a proibição das doações de empresas a candidatos e partidos.
As campanhas deste ano serão mais objetivas e enxutas, de acordo com a avaliação do professor de marketing político da Universidade de São Paulo (USP) e consultor político, Gaudencio Torquato.
Quanto menor a campanha, menor a possibilidade de quem não é conhecido se fazer conhecido” (Gaudencio Torquato,professor de marketing político).

“Os perfis mais conhecidos serão beneficiados em função da campanha menor, mais curta. Quanto menor a campanha, menor a possibilidade de quem não é conhecido se fazer conhecido”, avaliou.
“Isso favorece candidatos esportistas, celebridades e políticos tradicionais que já são conhecidos da comunidade”.
Torquato ponderou, no entanto, que é possível que alguns eleitores, ainda assim, prefiram votar em novos nomes.
“É possível que parcela do eleitorado revoltada com política velha vote nos novos candidatos. A tendência pode ser de procurar perfis mais assépticos”, disse.
Ainda na avaliação do professor, o impacto das novas regras será sentido principalmente nas médias e grandes cidades, onde há mais de 50 mil eleitores.
“Nas cidades pequenas, todo mundo se conhece e é mais fácil fazer corpo a corpo. Nas cidades médias e grandes, será maior o impacto, já que a população não conhece todos os candidatos”, afirmou.
Para o consultor político Gilberto Musto, que trabalha em campanhas em todo o país, as mudanças feita pelos atuais legisladores favorecem os políticos eleitos.
“A diminuição do período favorece aos que já estão eleitos. Como legislador, eu não vou mudar o sistema pelo qual eu fui eleito”, afirmou.
Para quem não é conhecido, é necessário começar a campanha desde já, pelas redes sociais, divulgando ideias e posicionamentos […] O uso das redes sociais já foi forte em 2014 e este ano será mais forte ainda” .

Verba
Musto afirmou, ainda, que a redução dos gastos levará a uma profissionalização do trabalho nas campanhas. Ele argumenta que o limite para as despesas – que antes não existia – exigirá mais planejamento das equipes.
“[A campanha] É uma empresa, só que começa e acaba com data marcada. Você tem que fechar e os números têm que bater.”
O estrategista político Cristiano Penido também enxerga um cenário favorável para os políticos famosos.
“O que vai acontecer é que os candidatos mais conhecidos terão vantagem muito grande. Os menos conhecidos terão 45 dias para se tornarem conhecidos e bem menos recursos”, disse.
Uma alternativa para os políticos que ainda não têm tradição é fazer uso da internet, de acordo com Penido.
“Para quem não é conhecido, é necessário começar a campanha desde já, pelas redes sociais, divulgando ideias e posicionamentos”, disse.
“O uso das redes sociais já foi forte em 2014 e este ano será mais forte ainda. Se não fosse isso, o candidato desconhecido não teria chance nenhuma”, afirmou.

sexta-feira, 15 de janeiro de 2016

Fogo Amigo: Denúncias contra o ex-deputado Sérgio Vieira podem ter sido montadas dentro do gabinete do prefeito Juscelino Oliveira.

Juscelino teria usado um sobrinho que ocupa hoje uma espécie de lugar-tenente na Prefeitura de Açailândia, ou seja, manda em tudo, para espalhar notícias apócrifas contra o pseudo-aliado.
MUI AMIGOS...

Citar que é uma prática comum a traição política do prefeito em exercício contra todos seus aliados de primeira hora, chega a parecer patético. Também citar que é sua prática usual usar de notícias apócrifas contra adversários políticos em seu benefício é ainda mais patético – a vítima do momento é o aliado de primeira hora que contribuiu significativamente para que Juscelino ocupasse hoje, mesmo sem uma segurança, o cargo de prefeito do Município de Açailândia.

Antes adversários ferrenhos Juscelino e Sérgio se uniram para a cassação de Gleide Santos e alcançaram o intento, desde então, viraram pelo mesmo propósito aliados ou pseudo- aliados – Sérgio começa agora sentir na pele a aproximação com o político que carrega consigo a estigma de traidor.

Eis que mais uma vez Juscelino usa as redes sociais, como usou no passado contra Ildemar e no presente contra Gleide Santos e agora Sérgio Vieira.

No passado contra Ildemar usou o mesmo sobrinho que agora exerce uma espécie de lugar-tenente na Prefeitura de Açailândia, ou seja, manda em tudo, com um blog anônimo e atacou gratuitamente todos os seus adversários. O mesmo sobrinho, que hoje pesa acusações de fazer o teste do sofá com servidoras casadas, inclusive os maridos já tomaram conhecimento, e estão umas feras (objeto de outra matéria do blog), usou do mesmo artifício com blogs de São Luis para atacar Gleide Santos. O mesmo sobrinho hoje campeão de diárias, pois pela força do parentesco conseguiu aprovar uma lei na câmara, sim a mesma câmara que colocou Juscelino na Prefeitura, que autorizou a todos os servidores que trabalham em Açailândia e moram em São Luis, tenham direito a essas gordas diárias (isso será objeto de outra matéria/denúncia ao Ministério Público). O mesmo sobrinho que segundo a minha fonte, teria trazido para Açailândia uma empresa de consultoria tributária que vai lavar nada mais nada menos do que 20% da arrecadação própria do Município (objeto de outra matéria do blog).

Contra Sérgio Vieira as práticas foram as mesmas do passado, plantou-se uma notícia mentirosa em um blog de São Luis, que repercutiu em um Blog anônimo chamado Blog da Larissa, muito acessado em Açailândia, e a calúnia tomou as redes sociais – Sérgio provou através de certidões não ter nenhum envolvimento com as denúncias que podem ter sido montadas dentro do próprio gabinete de Juscelino Oliveira, prefeito em exercício de Açailândia, “Mui Amigo de Sérgio Vieira”.


Simples Assim!!!

quinta-feira, 14 de janeiro de 2016

Egocentrismo e ganância de Juscelino Oliveira vão causar enormes prejuízos às Malharias de Açailândia

Egocentrismo é o comportamento voltado somente para si ou tudo que lhe diz respeito, ou seja, usa-se o termo "egocêntrico", para pessoas preocupadas consigo mesmo e indiferente aos problemas dos outros.
Imagens não mentem... Açailândia que se dane!!!

Com o intuito apenas de colocar a sua marca própria nos uniformes dos alunos da rede pública de ensino, o prefeito em exercício Juscelino Oliveira, resolveu modificar todo o fardamento do alunado de Açailândia. Até ai tudo na sua normalidade, mesmo sendo imoral, no entanto, o prejuízo que isso dará aos empresários locais do ramo de malharia é incalculável. Tudo isso em meio a uma crise que afeta todo o país, onde as medidas mais comuns adotadas pelos gestores públicos municipais é incentivar o consumo local para que os recursos oriundos do Município girem dentro do próprio Município.

Dos males o menor é que a secretária de educação de Açailândia afirma não haver nenhum custo para o alunado, haja vista, haver uma suposta doação da confecção desse fardamento pela companhia VALE. Mas como nessa administração tudo gira em torno de muitas mentiras, seria importante o Ministério Público averiguar esse termo de doação, pois se suspeita que o prefeito em exercício estaria beneficiando a Malharia de um amigo de longas datas, localizada no Município de Itinga do Maranhão – tudo sem licitação.

Várias reuniões com donos de Malharias de Açailândia e a secretária de educação de Açailândia, professora Maíza já aconteceram e estava meio que acertado para que esses uniformes fossem confeccionados no Município de Açailândia, no entanto, de uma hora para outra apareceu essa tal doação da VALE e para que esses uniformes sejam confeccionados na cidade de Itinga do Maranhão, de propriedade de um grande amigo e doador de campanha de Juscelino Oliveira – o prejuízo que será causado aos donos de Malharias de Açailândia é incalculável.

Com a palavra o Ministério Público.

NOTA DE ESCLARECIMENTO

ESCLARECIMENTO – NOTÍCIA FALSA CIRCULA EM BLOG SEM IDENTIFICAÇÃO E NAS REDES SOCIAIS




Com a finalidade de restabelecer a verdade dos fatos e em respeito a todos quantos emprestaram espontânea solidariedade ao subscritor da presente NOTA, o Dr. SÉRGIO RICARDO OLIVEIRA VIEIRA, vítima de ofensa leviana, nitidamente capitulada na calúnia, na injúria e difamação, sente-se no indeclinável dever de ESCLARECER os fatos narrados no Blog criminoso e sem autoria,que está circulando também nas redes sociais e aplicativos de aparelhos móveis, onde inveridicamente e caluniosamente diz que o subscritor desta, estaria envolvido em falsificação de documentos de carros e que poderia ser preso a qualquer momento, em companhia do ex chefe do Ciretran Açailândia Joel Falqueto e de Francisco Alves Fernandes, alcunha de Fábio Fernandes.
O blogueiro ou blogueira em questão, que nem mesmo se identifica, características de um covarde descarado, acostumado(a) a trabalhar em seu mundo de mentiras, evidentemente daria toda a cobertura para este tipo de denuncismo barato e até fomentaria tal ideia com mais mentira e covardia.
Qualquer pessoa com o mínimo de discernimento sabe que para um fato ser noticiado, deve-se buscar confirmação nas fontes, e não somente jogar palavras ao vento, como no caso sob apreço, que podem vir a prejudicar e muito à vida das vítimas de noticias maldosas e caluniosas.
Para tanto, aproveito para fazer a juntada de Certidão negativa da Delegacia Regional de Açailândia, assinada pelo Delegado Regional e ainda Certidão Negativa Criminal do Fórum da Comarca de Açailândia, ambas dando conta da INEXISTÊNCIA de qualquer procedimento investigatório no âmbito da Delegacia regional de Açailândia e Inexistência de qualquer processo criminal no âmbito da Justiça Estadual, em desfavor de SÉRGIO RICARDO OLIVEIRA VIEIRA. O blog diz ainda que meu nome foi envolvido pelo depoimento de Fabio, o que de forma alguma procede, conforme documentos anexos.
Dessa forma tenho a consciência limpa para com Deus, familiares, amigos, pessoas que acreditam em nosso trabalho e a população de Açailândia. Se a intenção do mentiroso(a) é esmorecer minha luta pelo melhor de Açailândia e sua população, afirmo que o tiro saiu pela culatra.
Jamais deixarei de cumprir com meu mister de defender Açailândia, independentemente daquilo que esse blogueiro(a) e seus companheiros de covardia e mentira tentem fazer contra minha pessoa ou pensem a meu respeito.
Nem ele(a) nem qualquer outro(a) do seu escasso time me deterá.
Em consequência, como “são invioláveis a intimidade, a vida privada, a honra e a imagem das pessoas...", o subscritor desta buscará, na Justiça, assim que sejam identificados os responsáveis “... o direito à indenização pelo dano material e moral decorrente de sua violação (inc. X, art. 5°, CF/88), sem renunciar a adoção de providências no âmbito da legislação penal pertinente contra os responsáveis.
Açailândia/MA, 13 de janeiro de 2016


Ass: SÉRGIO VIEIRA - ADVOGADO

segunda-feira, 11 de janeiro de 2016

Leonel Messi é eleito mais uma vez o melhor jogador do mundo

O argentino Leonel Messi caba de receber agora, às 15h55, o prêmio de melhor jogador de futebol do mundo. Esta é a quinta vez que o baixinho craque recebe a bola de ouro entregue pela Fifa e recebeu das mãos do jogador, Cacá, o último brasileiro a receber o prêmio.
A disputa pela indicação estava sendo disputada pelo brasileiro Neymar, o português Cristiano Ronaldo e pelo argentino Messi. Neymar ficou em terceiro e Ronaldo em segundo. O atacante brasileiro de Goânia Wendell Lira ganhou o prêmio de gol mais bonito de 1015, o Puskás.

sexta-feira, 8 de janeiro de 2016

Preços de materiais escolares têm variação de 660%, diz Procon-MA

Do        G1         MA

O Procon Maranhão divulgou, nesta quinta-feira (7), a pesquisa de preços de 153 itens de materiais escolares em 13 papelarias e livrarias estudantis de São Luís. O levantamento foi realizado entre 28 de dezembro de 2015 e 5 de janeiro de 2016 (veja a pesquisa completa aqui).
O maior percentual de variação de preços foi verificado na venda do “Apontador escolar, com depósito, um furo”, da marca “Cis”, que chega a variar 660,00%, vendido entre R$ 0,25 e R$ 1,90 (preço médio de R$ 1,00).
Em segundo lugar, está a lapiseira “Top Cis, 0.7mm, cor azul”, também da marca “Cis”, com 550% de variação, vendida a preços entre R$ 1,00 e R$ 6,50 (preço médio de R$ 4,07). Na terceira posição, está a lapiseira “Aluno, 0.7mm, cor azul”, da “Compactor”, que varia 333,33%, com menor preço a R$ 1,50 e, maior, a R$ 6,50 (preço médio (R$ 4,49).
Outros itens
Outra variação alta é a da régua “Twist’N Flex”, da “Maped”, que obteve 325,50%, sendo vendida a preços entre R$ 2,00 e R$ 8,51 (preço médio de R$ 5,82).

Já na venda da mochila, a maior flutuação de preços é a da “Mochila de Costa, Galinha Pintadinha”, da “Xerius”, com percentual de 238,05% e menor a maior valor de venda de R$ 130,16 e R$ 440,00, respectivamente (preço médio de R$ 216,65).
Entre os cadernos universitários de 10 matérias (200 folhas), a maior volubilidade de preços é o do “Jump”, da marca “Foroni”, com 222,13%, com preços variando entre R$ 9,31 e R$ 29,99 (preço médio de R$ 16,77).
Nas agendas escolares, foi encontrado percentual de variação de 256,16% na “Agenda Princesas, Cinderela, cor azul/rosa, capa dura”, da “Tilibra”, com preço variante entre R$ 9,49 e R$ 33,80 (preço médio de R$ 17,08).

quarta-feira, 6 de janeiro de 2016

Mais uma vítima da saúde de Açailândia sob o comando de Juscelino e do vereador Marquinhos.

Após uma cirurgia ortopédica, um jovem sofre complicações e é obrigado a retornar ao Hospital Municipal de Açailândia. Sem conseguir realizar exames no HMA a família foi obrigada a pagar todos os procedimentos em laboratórios particulares.

O fato informado por Conselheiros Municipais de Saúde é de um jovem por nome de Alan Rodrigues de Sousa, que há cerca de 20 dias que realizou uma cirurgia ortopédica no Hospital Municipal, e no intervalo de 13 dias após o procedimento cirúrgico o jovem sofreu serias complicações com o registro de pelo menos 06 hemorragias internas. Ele voltou a ser internado no HMA/SESP, onde foi solicitado ao mesmo que fizesse alguns exames. Sem conseguir realizar os exames pelo SUS a família do rapaz optou por fazer os exames em laboratórios particulares, neste período o jovem passou por mais um procedimento cirúrgico devido apresentar alterações na perna fraturada.

Na terça-feira, ontem, 05 de Janeiro, o jovem teve que voltar novamente para o SESP, com sintomas aparentes de hemorragia. A família e, especialmente, a mãe do rapaz, encontram-se desesperados por não haver atendimento médico. A promessa é de que isso possa acontecer hoje, dia 06.

Essa “via crucis” vem se tornando uma rotina no Hospital Municipal de Açailândia. Uma vítima fatal, o pai de família Walmir, há pouco mais de 30 dias, não chegou nem a ser operado e depois de ser levado duas vezes para cidade de Imperatriz, veio a óbito.


Enquanto isso, nossos nobres vereadores permanecem inertes, mas fazer o que, se no comando da saúde está lá um dos seus pares vereadores, e o prefeito foram eles mesmos que colocaram no comando do Município. 

Veja o calendário para pagamento do IPVA 2016 no Maranhão

Desconto para pagamento em cota única até 11 de fevereiro é de 10%.
Para pagar parcelado, proprietário precisa observar calendário de quitação.

Consulta dos valores por modelo de veículo poderá ser feita a partir de 1º  janeiro de 2016  (Foto: Karlos Geromy / Secom)Consulta dos valores poderá ser feita a partir de 1º janeiro de 2016 (Foto: Karlos Geromy / Secom)












A Secretaria da Fazenda do Maranhão (Sefaz-MA) divulgou, na sexta-feira (18), as datas para o pagamento do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) para 2016.
Os contribuintes podem optar por pagar integralmente (cota única) com 10% de desconto até 11 de fevereiro ou parcelar em até três vezes. Para pagar parcelado, o proprietário deve observar o calendário com prazo para quitação de cada parcela (veja na tabela abaixo).
FINAL DA
PLACA

PARCELA
COTA
ÚNICA

PARCELA

PARCELA
1 e 211/0211/0211/0311/04
3 e 415/02 15/0215/0315/04
5 e 618/02   18/0218/0318/04
7 e 822/0222/0222/0322/04
9 e 029/0229/0229/0329/04
Se o prazo para pagamento da primeira parcela for descumprido, o pagamento do IPVA só poderá ser realizado em cota única, sem desconto.
Os proprietários de veículos que optarem pelo faturamento do IPVA 2016, realizarão o pagamento da primeira cota de acordo com o final de placa dos veículos.
A consulta dos valores por modelo de veículo poderá ser feita a partir de 1º  janeiro de 2016, no portal da Sefaz na internet e também nosite do Detran, no ícone "Licenciamento Anual".
Pagamento
No site do Detran, no ícone "Licenciamento 2016", o contribuinte pode emitir os Documentos de Arrecadação de Receitas Estaduais (DAREs) com os valores do IPVA, da Taxa de Licenciamento e do Seguro DPVAT, além de eventuais multas de trânsito.

Os boletos poderão ser pagos em qualquer agência do Banco do Brasil, apenas com a informação do número do Renavam, nos caixas físicos. Para correntistas, o pagamento pode ser efetuado nos caixas eletrônicos ou pelo internet banking.
Nos terminais de auto-atendimento, a emissão de extrato do débito pode ser obtida na opção "Extrato do Renavam", digitando apenas o número do Renavam.
Recebimento do CRLV
Após o pagamento do IPVA, da Taxa de Licenciamento e do Seguro DPVAT, o contribuinte receberá em seu endereço, em até dez dias úteis, o Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo (CRLV).

O CRLV devolvido pelos Correios estará disponível no Viva Cidadão da Praia Grande, quando se tratar de municípios da jurisdição de São Luís. Nos demais, o documento ficará disponível nas respectivas Ciretrans.