quarta-feira, 11 de julho de 2018

TARIFA SOCIAL: Câmara aprova isenção do pagamento da conta de luz para famílias de baixa renda


Medida foi incluída no projeto relacionado à venda das distribuidoras de energia. Pelo projeto, isenção valerá para famílias que tiverem renda de até meio salário mínimo e consumirem até 70 kwh/mês.


Câmara dos Deputadosaprovou na noite desta terça-feira (10) a isenção do pagamento da conta de luz para famílias de baixa renda.

Segundo o Ministério de Minas e Energia, 8,9 millhões de famílias devem ser beneficiadas.
A medida foi aprovada durante a votação do projeto que viabiliza a privatização de seis distribuidoras de energia controladas pela Eletrobras.

O texto-base da proposta já havia sido aprovado na semana passada, mas os deputados ainda precisavam analisar os destaques (possíveis mudanças ao texto original) para concluir a votação.

Durante a análise dos destaques, os deputados modificaram as regras da chamada Tarifa Social. Pela proposta, serão beneficiadas com a isenção do pagamento da conta de luz as famílias com renda mensal menor ou igual a meio salário mínimo; e que consumirem até 70 kwh/mês.

O texto define, ainda, que o pagamento caberá à Conta de Desenvolvimento Energético (CDE). As famílias beneficiadas com a medida deverão estar incluídas do Cadastro Único dos programas sociais do governo.

Durante a sessão, os partidos de oposição defenderam que o consumo fosse de até 80 kwh/mês, mas a base governista defendeu 50 kwh/mês. Diante disso, houve um acordo e os parlamentares chegaram ao consumo de 70 kwh/mês.

Atualmente, os descontos para famílias de baixa renda são calculados com base no consumo, que vai de 30 kwh/mês a 220 kwh/mês. O desconto varia de 10% a 65%.
Pela lei atualmente em vigor, somente indígenas e quilombolas cujas famílias são consideradas de baixa renda têm direito ao desconto de 100% na conta de luz.

Com a conclusão da votação do projeto, nesta terça, o texto seguirá para votação no Senado e, em seguida, para sanção presidencial.

Impacto

Durante a análise da proposta, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), alertou os parlamentares sobre a necessidade de ser feito um estudo sobre o impacto da medida nas contas públicas.

"Eu preciso que alguém me informe qual o impacto no orçamento do governo. Se alguém deixará de pagar a conta, outra pessoa vai pagar", disse Maia.

Em resposta, o deputado Julio Lopes (PP-RJ), relator do projeto, afirmou que não haverá acréscimo de despesas e que a emenda já tinha sido negociada com a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

"A própria Aneel concordou que não haveria qualquer acréscimo de despesa porque o consumo de todos será monitorado. Hoje, os quatro níveis da tarifa social de energia não são monitorados", afirmou.

Após a aprovação do projeto, o ministro de Minas e Energia, Moreira Franco, publicou uma mensagem no Twitter na qual afirmou que 14 milhões de pessoas devem ser beneficiadas com a privatização das distribuidoras.

Irrigação

Também na noite desta terça, os deputados aprovaram uma medida provisória (MP) que impede áreas que integram Projetos Públicos de Irrigação (PPIs) de serem retomadas pelo governo caso estejam dadas em garantia como hipoteca a algum banco oficial responsável por financiar o agricultor.

Neste caso, a retomada ficará a cargo da instituição financeira, a quem caberá comunicar o poder público da existência do crédito hipotecário.

Um trecho polêmico adicionado ao texto ainda altera um dispositivo da Política Nacional de Irrigação.

Pela nova redação, o governo não poderá declarar quais obras de infraestrutura de irrigação, que provoquem alterações em curso de água ou retirada de vegetação em área de preservação permanente (APP), poderão ser consideradas de utilidade pública para efeito de licenciamento ambiental.

Por se tratar de uma medida provisória, as regras já estão em vigor temporariamente. Porém, para passar a valer definitivamente, a MP ainda precisa ser aprovada no Senado até 24 de julho, quando perderá a validade.

segunda-feira, 9 de julho de 2018

Receita abre consultas ao segundo lote de restituição do Imposto de Renda


Restituições serão depositadas em 16 de julho e totalizam R$ 5 bilhões; serão beneficiados 3,3 milhões de contribuintes.

A Receita Federal liberou nesta segunda-feira (9) as consultas ao segundo lote de restituição do Imposto de Renda 2018.

De acordo com a Receita Federal, o lote também contém restituições residuais dos exercícios de 2008 a 2017.

Para saber se foi beneficiado neste lote, o contribuinte pode acessar o site da Receita, aqui, ou ligar para o 146.

Serão beneficiados neste segundo lote 3.360.917 contribuintes. As restituições serão depositadas em 16 de julho e totalizam R$ 5 bilhões.

sexta-feira, 6 de julho de 2018

Bandeiras, buzinas e adesivos da Copa no carro podem gerar multas; saiba o que é permitido


Veja o que o torcedor pode e o que ele não pode fazer enquanto dirige. Brasil e Bélgica se enfrentam nesta sexta-feira na Copa da Rússia.


Bandeiras e adesivos fora do padrão e buzinas usadas de maneira irregular em veículos para comemorar uma possível vitória da seleção na Copa do Mundo podem gerar multas para os motoristas. É o informa o Departamento Estadual de Trânsito (Detran) em São Paulo.

O Detran elaborou um resumo sobre o que o torcedor pode e o que não pode fazer quando estiver dirigindo ou pilotando, e sobre que tipo de enfeite é possível ter no carro.

O Brasil decide a partir das 15h desta sexta-feira (6) contra a Bélgicauma vaga para saber quem vai à semifinal do mundial de futebol na Rússia. Caso o time do craque Neymar ganhe a disputa, a comemoração pelas ruas será inevitável.

Mas até a tradição de enfeitar o carro ou a moto com bandeiras tem de seguir regras. Elas não podem, por exemplo, cobrir espelhos retrovisores e atrapalhar a visão do condutor, mesmo se forem colocadas nos vidros. É o que informa o Detran com base no Código de Trânsito Brasileiro (CTB).

Caso algum órgão responsável pela fiscalização de veículos perceba a irregularidade no uso da bandeira no veículo, este terá de ser multado em R$ 88,38, referente a uma infração leve. O motorista ou o piloto também punidos com três pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Se as bandeiras nos retrovisores não atrapalharem a visão de quem dirige, sendo usadas exclusivamente na parte de trás, sem ser no espelho, não há irregularidade.

Bandeira no capô e buzinaço

De acordo com o Detran, as bandeiras grandes usadas sobre o capô de carros não estão regulamentadas na legislação federal. Apesar disso, o Departamento alerta que mal instaladas, elas podem levantar e cobrir o para-brisa, impedindo a visão do motorista. Elas precisam estar bem afixadas para que não sejam consideradas irregulares.

Outro risco é que se soltem e fiquem penduradas, cobrindo a placa ou o farol do veículo, podendo provocar um acidente. Nesse caso, conduzir com placa coberta, sem condições de visibilidade é infração gravíssima e o condutor pode ter o veículo removido ao pátio, além de receber multa de R$ 293,47 e sete pontos na habilitação.

E aquele buzinaço constante dos veículos que parece não ter fim? Segundo o Detran, quem age assim pode contribuir para acidentes, além de estressar ou assustar pedestres e demais motoristas. Pela lei, usar a buzina prolongada e sucessivamente a qualquer pretexto também ocasiona multa de R$ 88,38 e três pontos na habilitação.

Mudança de cor e uso de adesivos

Para os apaixonados pela seleção nacional que pintam ou adesivam o veículo com motivos do Brasil ou da Copa o importante é não alterar a cor do possante em mais de 50%. Se isso ocorrer e a mudança não constar no documento do automóvel, a infração é grave por alteração de característica. A penalidade, nesse caso, é de multa de R$ 195,23 e cinco pontos na CNH.

Outra infração usual em período de Copa do Mundo é a cometida por quem dirige com apenas uma das mãos para exibir a bandeira na outra. O Detran enaltece que as duas mãos ao volante são importantes para manter o veículo sob controle. Quem descumpre isso pode levar multa de R$ 130,16 e quatro pontos na carteira.

Outras irregularidades, estas mais conhecidas, que geram multas são beber e dirigir. A multa para quem é flagrado ao volante após tomar bebida alcoólica ou se recusa a fazer o teste do bafômetro é de R$ 2.934,70. O motorista ainda tem o direito de dirigir suspenso por um ano.

quinta-feira, 5 de julho de 2018

Governo realiza audiência pública em Açailândia para discutir o Serviço Travessia

Fonte: MOB
04/07/2018

O Governo do Estado, por meio da Agencia Estadual de Mobilidade Urbana e Serviço Públicos (MOB), em parceria com a Prefeitura Municipal de Açailândia, realiza uma audiência pública sobre o Serviço Travessia, na próxima quinta-feira (12), às 9h, na Rua Ceará, 662, Centro. Será debatida a interiorização do serviço.

Para o presidente da MOB, Lawrence Melo, a interiorização do Serviço Travessia incluirá mais pessoas para serem beneficiadas. “A MOB possibilita às pessoas com deficiência, cadeirantes, deficientes visuais e crianças com hidrocefalia e microcefalia, que elas possam realizar o seu deslocamento porta a porta de sua residência até o local onde realizam suas atividades, que podem ser na área da saúde, educação e lazer que incluem praia e cinema”, disse.

De acordo com a coordenadora do Serviço Travessia, Cricielle Muniz, o objetivo da audiência será a divulgação do funcionamento do serviço, que irá contemplar o município de Açailândia beneficiando as pessoas com deficiência que moram na cidade. “Com a interiorização do Serviço Travessia, será oferecida mais mobilidade e qualidade de vida integrando as pessoas com deficiência, por meio de transporte gratuito”, disse.

O Serviço Travessia será ampliado para a Baixada Maranhense, no município de Pinheiro; para a região central do estado, no município de Bacabal, Presidente Dutra; área leste do estado, Caxias e Timon; além do município de Açailândia na Região Tocantina. Essas ações convergem com a política do Estado no que diz respeito à inclusão social e cidadania da população maranhense.

SERVIÇO
O quê: Audiência pública sobre o Serviço Travessia.
Quando: Na próxima quinta-feira (12), às 9h.
Onde: Rua Ceará, 662, Centro - Açailândia.
Contato: 9-8214-3447 (Mariana Moura).

quarta-feira, 20 de junho de 2018

Prefeitura faz entrega de Kits do “Programa Mais Renda”


A Prefeitura de Açailândia, através da Secretaria de Assistência Social, em parceria com o Governo do Estado, realizou a entrega dos kits do Programa “Mais Renda para as famílias cadastradas no programa. O evento aconteceu na tarde de segunda,18 no Departamento da Receita Municipal e contou com a presença da primeira-dama Josélia Santos, dos secretários municipais: Zetinha Samaio, Vera Carvalho, Kerly Cardoso, José Francisco, Saulo Gigante, Levilson Lima e do Assessor de Comunicação Wilton Lima e o vereador Heliomar Laurindo.

O programa é um incentivo do governo do estado ao empreendedorismo com estrutura adequada e oportunidades de capacitação. Com esse objetivo, o programa Mais Renda estimula os pequenos negócios de vendedores informais de lanche e do ramo da beleza.

A iniciativa do Governo do Estado em parceria com a prefeitura vai contemplar cerca de 150 microempreendedores no município. A ação é coordenada pela Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Sedes) e já alcançou 1.215 equipamentos entregues e 1.850 pessoas capacitadas no Maranhão. Na cidade de Açailândia, a ação é administrada pela Secretaria de Assistência Social. No ato de entrega, a secretária Zetinha Sampaio, disse que se trata de um programa importante e pela primeira vez está beneficiando dentro do município microempreendedores, com o oferecimento de cursos e a distribuição dos kits. Afirmou que com essa iniciativa o Governo estimula os pequenos negócios, diminuindo o número de pessoas sem renda nos municípios maranhenses.

Além da capacitação, os beneficiários recebem kit de negócio composto por fardamento oficial, utensílios e equipamentos, como carrinhos adequados à venda de churrasco, cachorro-quente, salgados, ou ainda tendas, fritadeiras ou chapa a gás, a depender da finalidade da venda e que ajudarão a potencializar as atividades a serem desenvolvidas.

O Mais Renda tem objetivo de garantir às famílias beneficiadas uma melhoria real em sua qualidade de vida, por meio do trabalho que já desenvolvem informalmente, como fonte de sustento. Além de capacitação, oferece assessoria e todo o apoio estrutural para que os empreendedores informais possam se desenvolver.

O Mais Renda é uma iniciativa do Governo do Estado, que já está em vários municípios e tem o objetivo de ampliar a renda e melhorar a qualidade de vida de várias famílias maranhenses. O programa capacita e inclui as famílias sócio produtivas de vendedores ambulantes, para transformá-los em pequenos empreendedor.

O programa só foi possível chegar em Açailândia, graças ao empenho da primeira-dama Josélia Santos que viu o programa se desenvolver em São Luis e juntamente com o secretário de Indústria e Comércio, Cleones Matos, foram até à SEDES na capital, onde requereram a inclusão do programa em Açailândia.

A professora aposentada, Raimunda Nonata da Silva Cavalcante, assim como a dona de casa Alice Santos de Araújo, foram beneficiadas com os kits (carrinho para vender “cachorro- quente”. Elas aproveitaram para agradecer a Deus, ao governador e ao prefeito Juscelino Oliveira, em proporcionarem tal benefício para a população. Segundo elas, agora poderão aumentar o orçamento da família com o recebimento dos equipamentos.Parte superior do formulário

ASCOM-PMA-Por: Antônio Maria

sexta-feira, 15 de junho de 2018

Escola Municipal Eduardo Pereira Duarte é reinaugurada em Açailândia


A Escola da Rede Pública de Ensino, localizada no Distrito Industrial de Pequiá foi totalmente reconstruída. As salas de aula ficaram mais altas e receberam forro novo, proporcionando mais conforto a alunos e professores.

O prefeito Juscelino havia planejado reformar desta unidade de ensino desde o ano de 2016, mas uma sequencia de bloqueio de recursos públicos, parte destes para pagamento de antigos precatórios, impossibilitou a realização da obra.

Utilizando a estrutura de trabalhadores da secretaria de infraestrutura e urbanismos e da secretaria de educação, o prefeito Juscelino determinou que fosse realizado uma reforma na escola que pudesse garantir o mínimo de conforto para alunos e professores, mas a dedicação foi tão grande das equipes que acabou surpreendendo a todos – a Escola Eduardo Pereira Duarte foi totalmente reconstruída e ganhou uma nova cara.

Na data de hoje, 15 de junho, a Secretária de Educação Maíza Vieira, acompanhada de toda equipe de secretários do prefeito Juscelino entregou de forma oficial a Escola à comunidade de Pequiá.

Histórico da Escola

A Escola Municipal Eduardo Pereira Duarte, localizada na Av. João Castelo, no Bairro Pequiá, em Açailândia, foi fundada em 1983 no Governo Municipal de prefeito Raimundo Telefre Sampaio.

O primeiro prédio tinha apenas quatro salas de aulas, funcionando no turno diurno de 1ª a 4ª série e a noite funcionava o Mobral. No ano de 1989 começou a funcionar o ensino de 5ª a 8ª série no turno noturno.

No início dos anos 90 aconteceu a primeira ampliação. Hoje a Escola possui 13 salas de aula, quatro banheiros, uma sala de leitura, uma secretaria, uma sala de vídeo, um laboratório de informática, uma sala de supervisão, uma diretoria, uma cozinha, um depósito para merenda, um depósito para materiais diversos, pátios e um refeitório.

Atualmente a escola atende a comunidade de Pequiá ofertando Educação Infantil, Ensino Fundamental, Anos Iniciais e Anos Finais e Educação de Jovens e Adultos, totalizando 55º alunos. Além dos programas Mais Educação e Mais Alfabetização.


Nova Reforma

A reforma agora realizada, proporcionou a toda comunidade educacional salas de aulas mais altas, claras e forradas; banheiros recuperados, assim como a sala de leitura, sala dos professores, secretaria, pátios e cantina.

Com esse novo ambiente, planejados com estrutura adequada às necessidades do corpo docente será desenvolvido um trabalho pedagógico de qualidade, garantindo a melhoria no processo de Ensino e Aprendizagem dos jovens alunos da comunidade de Pequiá.

quinta-feira, 7 de junho de 2018

Em parceria com a prefeitura de Açailândia, governador Flávio Dino traz pra Açailândia o “Programa Mais Renda”


Na tarde de ontem, dia 06 de junho, dia do aniversário de Açailândia, o governador Flávio Dino e o prefeito Juscelino fizeram a entrega simbólica de alguns equipamentos, o restante, de um total de 100 Kit´s, serão entregues em uma nova solenidade a ser marcada pela prefeitura. Serão 100 microempreendedores, muitos deles utilizavam calçadas e ruas para tirarem seus sustentos e agora poderão sair da informalidade.

 
Secretário de Indústria e Comércio de Açailândia, Cleones Matos, posa pra foto ao lado de um carrinho de cachorro quente e batatinha frita, já em funcionamento.

Em visita a cidade de Açailândia o governador Flávio Dino(PCdoB), inaugurou as novas instalações da Unidade Vocacional do IEMA e em seguida acompanhou o prefeito Juscelino Oliveira (PCdoB) na inauguração de uma Moderna Creche, localizada, no Residencial Tropical, Vila Ildemar.

Neste evento, o governador realizou simbolicamente a entrega de Kit’s de Salão de Beleza e Carrinhos de Alimentação totalmente equipados.

São 100 Kit’s em sua totalidade, sendo 75 carrinhos de alimentação e 25 kit’s de salão de beleza do programa “Mais Renda”, desenvolvido em Açailândia, em uma parceria com o prefeito Juscelino.

O Secretário de Industria e Comércio de Açailândia, Cleones Matos, foi textual em afirmar em alto bom som: "isso é geração de emprego e renda, isso é retirar empreendedores da informalidade, uma das maiores cobranças do prefeito Juscelino à todos os seus secretários".

Serão 100 microempreendedores que trabalhavam na informalidade, ocupando calçadas e ruas da cidade que foram devidamente cadastrados pela Secretaria de Assistência Social de Açailândia, e, aqueles que foram selecionados, receberam uma qualificação com a prática de treinamentos realizadas por técnicos do governo do Estado.

Na data de ontem, dia 06 de junho, dia do aniversário de Açailândia, o governador Flávio Dinho, juntamente com o prefeito Juscelino, entregou de forma simbólica alguns Kit’s e ficará a cargo da prefeitura, através da Secretaria de Assistência Social, realizar a entrega do restantes dos equipamentos do Programa Mais Renda.

Mais Renda

Além de receber a capacitação, os beneficiários também receberão kit de negócio composto por fardamento oficial, utensílios e equipamentos, como carrinhos adequados à venda de churrasco, cachorro-quente, salgados, ou ainda tendas, fritadeiras ou chapa a gás, e equipamentos para salão de beleza, a depender da finalidade da venda e que ajudarão a potencializar as atividades a serem desenvolvidas

segunda-feira, 28 de maio de 2018

Prefeito Juscelino antecipa mais uma vez o pagamento dos servidores públicos municipais


Os salários estarão nas contas bancárias dos servidores a partir de hoje, dia 28, iniciando pela secretaria de educação.

Na política de cada vez mais valorizar os servidores públicos municipais, o prefeito Juscelino Oliveira (PCdoB), antecipa mais uma vez o salário dos trabalhadores.

Neste mês de maio o servidor começa a receber nas suas contas bancárias, de forma antecipada, na data de hoje, dia 28, os seus salários.

O pagamento foi iniciado pela Secretaria Municipal de Educação, e esses trabalhadores já podem se deslocar para a rede bancária e conferir o seu saldo. O calendário terá continuidade, amanhã, na terça-feira (29) e seguindo até quarta-feira (30).

A partir de amanhã, 29, os servidores da Secretaria de Administração terão também os seus salários depositados em suas contas bancárias. Dia 30, quarta-feira, será a vez do pagamento dos trabalhadores da Secretaria de Assistência Social, Secretaria Municipal de Saúde e os Agentes de Limpeza.

Com esta decisão do prefeito Juscelino Oliveira, os servidores públicos municipais poderão comemorar as festividades do aniversário da cidade com muito mais alegria, no próximo dia 06 de junho.

Aniversário de 37 Anos

Na próxima quarta-feira, em uma entrevista coletiva, no gabinete municipal, o prefeito Juscelino anunciará o calendário das festividades, inaugurações e retomadas de obras, além da entrega de mais de 1.000 residências do Programa Minha Casa Minha Vida.

No mês de Aniversário de Açailândia mais de 1.000 famílias receberão suas casas do Programa Minha Casa Minha Vida.


Ao todo serão sorteados no mês de junho, 1.688 chaves, das 3 mil famílias já contempladas no Programa, em anos anteriores. Mais de 1.000 deverão mudar para as suas novas residência, já no mês do aniversário da cidade de Açailândia.

 
1.126 casas populares do Programa Minha Casa Minha Vida estão prontinhas e serão entregues às famílias de Açailândia, no aniversário da cidade.
A Empresa Cannopus uma das empresas responsáveis pela construção das residências populares na cidade foi a primeira a sinalizar para a Caixa Econômica Federal de que o compromisso da construção de mil casas já está concluído e prontas para os moradores ocuparem os seus novos lares.

De responsabilidade da empresa Ângulo, outras 126 casas também já estão prontas e serão entregues. Outras 562 casas, de responsabilidade da empresa Difusora estarão prontas em 60 dias.

Conclui-se então, que neste mês de junho 1.126 famílias receberão suas casas  e outras 526 em data posterior, totalizando as 1.688 famílias que através de sorteio terão definidas as suas respectivas casas, no próximo dia 07 de junho.

Ao tomar conhecimento da definição da Caixa Econômica Federal de entregar partes das casas do Programa Minha Casa Minha vida, nesse primeiro momento, o prefeito Juscelino Oliveira (PCdoB), então, determinou à sua equipe o início do processo de preparação das famílias que receberão seus novos lares. Mesmo porque, será muito importante, no aniversário da cidade, festejar com a essas famílias a entrega de 1.126 casas populares.

O processo então, será dado início na próxima segunda-feira, dia 01 de junho, sexta-feira, e, se estenderá até sábado, dia 02, aonde serão realizados através de palestras e rodas de conversas programas de cunho social, mostrando às famílias contempladas a importância do Minha Casa Minha Vida e como conservar seus novos lares que será agora daqui pra frente.

O sorteio das 1.688 chaves está previsto para acontecer no próximo dia 07 de junho, semana do aniversário de Açailândia, no Estádio Pedro Maranhão, a iniciar a partir das 16:00hs.

Após o sorteio das 1.688 chaves, os sorteados assinarão um contrato prévio com a Caixa Econômica Federal e receberão um “checklist” dos equipamentos que devem estar instalados na sua casa, e, estando tudo em conformidade, no prazo de no máximo 20 dias, tudo estará concluído e esse moradores poderão mudar, em definitivo para os seus novos lares.
Ruas asfaltadas, calçadas padronizadas, água, iluminação pública e tratamento de esgoto sanitário, é assim que as famílias receberão seus novos lares.

A expectativa é que com a entrega de mais da metade das residências do Programa Minha Casa Minha Vida, em Açailândia, as outras 1.312 casas, ainda não concluídas, poderão ser retomadas as suas obras pelas respectivas empresas responsáveis. A Caixa Econômica Federal a partir de agora deverá pressionar ainda mais essas empresas a cumprirem com os contratos firmados.

Operação do Governo do Maranhão já abasteceu dezenas de caminhões-tanque para reduzir efeitos da crise federal

Fonte: Secap
Foto: Divulgação
26/05/18

Os comboios organizados pelo Governo do Maranhão desde o início da manhã deste sábado (26) já garantiram o abastecimento de dezenas de caminhões-tanque em São Luís. Entre 7h e 12h, foram cerca de 30 deles para garantir abastecimento essencial e de postos de combustível no Estado.

A operação foi montada para amenizar os efeitos da crise federal dos combustíveis. O governador Flávio Dino determinou medidas para reduzir os transtornos causados à população.

Viaturas da Polícia Militar estão fazendo a escolta de caminhões para os postos e pontos públicos de abastecimento. A intenção é garantir serviços essenciais para a população, como transporte público coletivo, segurança, serviços de saúde e coleta de lixo.

“Desde as primeiras horas deste sábado, está em andamento uma operação do Governo do Estado no sentido de garantir abastecimento de combustível e de alimentos à sociedade”, diz o presidente da Agência de Mobilidade Estadual (MOB), Lawrence Melo Pinheiro. A Secretaria Municipal de Transportes também participa das operações.

“Inicialmente buscamos garantir a prestação de serviços públicos essenciais, com segurança, saúde e transporte. Mas também já foram abastecidos postos de combustível na capital para que a sociedade tenha o direito de ir e vir”, acrescenta Melo Pinheiro.

Ele conta que também está em planejamento operações no interior do Estado para que o combustível chegue aos municípios.

O presidente da MOB diz ainda que as viagens do ferry-boat estão regulares, graças à estratégia montada para abastecer as embarcações. “Quem precisa viajar via ferry-boat pode se programar e realizar o trajeto”, afirma.

O governador Flávio Dino afirma que “a situação deriva de um problema nacional, mas demanda uma reflexão conjunta, para garantir o fluxo normal dos serviços públicos em todo o Maranhão”.